(Superliga) Vôlei Renata bate Sesi-SP e continua invicto e na liderança

No último jogo da noite de ontem, o Vôlei Renata superou o Sesi-SP por 3 sets a 0, parciais de 25/23, 35/33 e 27/25, no ginásio Taquaral, pela 3ª rodada da Superliga 2020/2021. Com o resultado, a equipe de Campinas conquistou a terceira vitória em três jogos, somando agora nove pontos, mantendo assim a invencibilidade e a liderança. Já o clube paulistano sofreu sua primeira derrota e aparece na 5ª colocação, com seis pontos ganhos.

Após começo equilibrado, o Vôlei Renata saltou na frente do primeiro set após erros seguidos de ataque do adversário (9 a 6). O time campineiro seguia mostrando organização no fundo de quadra e ampliou a vantagem em bloqueio de Temponi (12 a 9). Os paulistanos tentaram encostar no marcador, mas o paredão dos donos da casa seguia fazendo a diferença novamente com Temponi (20 a 18). Na reta final, Vissotto apareceu para anotar ace e deixar os donos da casa tranquilos para fecharem (22 a 19). Em erro de saque do Sesi-SP, o time comandado por Horácio Dileo abriu 1 a 0: 25 a 23.

O retrato do jogo se repetiu no segundo set e o equilíbrio foi mantido. Novamente, o Vôlei Renata impôs um ritmo forte no saque e abriu vantagem (8 a 5). Os visitantes, no entanto, conseguiram igualar a partida, se aproveitando dos erros campineiros. Com dois bloqueios seguidos, Barreto deixou os donos da casa na frente (17 a 16). A igualdade se manteve durante toda reta final, mesmo com Vissotto inspirado no saque e anotando ace (25 a 24). Os dois times foram trocando pontos e a parcial foi se estendendo. O que acabou fazendo a diferença foi a passagem de Temponi pelo saque. Ele encaixou dois bons serviços, que complicaram o adversário, e os donos do Taquaral abriram 2 a 0 em contra-ataque de Vaccari: 35 a 33.

O bloqueio deu a vantagem para o Vôlei Renata no começo do terceiro set. Em tocos seguidos, primeiro com Michel, depois com González, o time campineiro obrigou o adversário a pedir tempo (8 a 6). Firme no plano tático e aproveitando contra-ataques, os donos da casa seguiram mandando na parcial em outro ponto de block, desta vez, com Vaccari (15 a 12). Os visitantes, contudo, não desistiram e conseguiram encostar no marcador na reta final. Vaccari assumiu a responsabilidade na reta final e fechou a partida com ace que contou com a ajuda da fita: 27 a 25.

“Foi uma partida bem dura, os meninos do Sesi-SP estão bem, fizeram um grande jogo. Nosso time também está de parabéns, soube suportar a pressão deles. Temos a característica de saber sofrer, saber jogar ponto a ponto contra qualquer adversário e saber que a partida é vencida ali dentro (na quadra). Hoje a gente conquistou mais uma vitória, mantemos a crescente e agora é foco no Sada”, comenta o oposto Leandro Vissotto.

No próximo domingo, às 19h30min, o Vôlei Renata encara o Sada/Cruzeiro, no ginásio do Riacho, em Contagem. Já o Sesi-SP encara o Azulim/Gabarito/Uberlândia no sábado, às 18h, no ginásio da Vila Leopoldina.

Equipes:

Vôlei Renata: González, Vissotto, Vaccari, Temponi, Michel, Barreto e Bello (líbero)
entraram: Renan, Otávio e Cristiano
técnico: Horácio Dileo

Sesi-SP: Marcus Vinicius, Darlan, Ryan, Alan Patrick, Marcos Paulo, Léo e Murilo (líbero)
entraram: Caio Felipe, Robert e Vinicius Souza
técnico: Marcelo Negrão

foto: Pedro Teixeira/Vôlei Renata

Comentários