(Superliga) Em jogo direto, América Vôlei enfrenta Pacaembu/Ribeirão Preto

Neste sábado, às 19h, o América Vôlei recebe o Pacaembu/Ribeirão Preto, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros, pela 6ª rodada do returno da Superliga 2019/2020. Na 11ª posição, com sete pontos, o time mineiro busca voltar a vencer para tentar sair da zona do rebaixamento, enquanto a equipe paulista está na 10ª colocação, com 14 pontos, tentando ingressar no G-8. A partida terá transmissão do Canal Vôlei Brasil. 

O América Vôlei vive uma situação incômoda na tabela, ainda mais após a derrota para o lanterna Ponta Grossa Vôlei na rodada passada. Entretanto, uma vitória neste sábado pode fazer o time do técnico Henrique Furtado ‘virar a chave’ por se tratar de um confronto direito, que vale seis pontos. No discurso dos jogadores, a partida é considerada fundamental para a equipe ainda pensar em se manter na elite. 

“É muito importante para nós alcançarmos a vitória na próxima partida, é praticamente um clima de final para essa partida. No último jogo não conseguimos colocar em prática o nosso melhor e acabamos sendo superados, mas colocaremos toda nossa experiência em quadra para ir em busca do resultado positivo, com um gás a mais, para alcançar nossos objetivos nessa reta final e nos mantermos na Superliga. Vamos em busca da reação na tabela”, analisou o ponta Gabriel Armanelli. 

“Nossa melhor chance para fugir da zona de rebaixamento é buscando a vitória nessa partida, não só esse mas também as disputas diretas que nós temos. Precisamos focar em realizar uma boa partida, com menos erros, para subir de posições e fugir desse local incômodo. Precisamos aproveitar o fator casa, colocar a pressão no adversário, para buscar os três pontos” Pablo Natan ponteiro”, comentou o ponteiro Pablo. 

Pelo lado do Pacaembu/Ribeirão Preto, o técnico Marcos Pacheco sabe que uma vitória em Minas Gerais além de manter a equipe na briga por uma vaga nos playoffs (hoje o Denk Maringá Vôlei é o 8º colocado, com 17 pontos), faria que o time paulista ficasse ainda mais distante do risco do rebaixamento. Vale ficar de olho nos ponteiro Rodrigo Leandro e Vitor Baesso, que estão em grande fase. 

Equipes:

América Vôlei: Rhendrick, Johansen, Pablo, Rammé, Lucas Fonseca, Renan e Lucas Bauer (líbero)
técnico: Henrique Furtado

Pacaembu/Ribeirão Preto: Luisinho, Caio Oliveira, Victor Baesso, Rodrigo Leandro, Judson, Biella e Serginho (líbero)
técnico: Marcos Pacheco

foto: Mourão Panda/América & Vôlei Ribeirão/Divulgação

Comentários