(Superliga) Com apoio da torcida, Vôlei UM Itapetininga encara América Vôlei

O ginásio Ayrton Senna recebe neste sábado, às 18h, o confronto entre Vôlei UM Itapetininga e América Vôlei válido pela 8ª rodada do returno da Superliga 2019/2020. O time paulista está na 8ª colocação, com 22 pontos, querendo vencer para se firmar no G-8, enquanto os mineiros, atualmente na 11ª posição, com 11 pontos, querem ganhar para escaparem da zona do rebaixamento. A partida terá transmissão do Canal Vôlei Brasil. 

O Vôlei UM Itapetininga chega para o duelo embalado após importante vitória sobre o Pacaembu/Ribeirão Preto, na Cava do Bosque. O técnico Peu Uehara conta com bom trabalho ofensivo da equipe, com destaque para o oposto Gabriel, além do momento vivido pelo central Johan, hoje o 4º melhor bloqueador da competição, com 22 bloqueios vencedores. 

Pelo lado do América Vôlei, a vitória diante da Apan/Blumenau na rodada passada deu novo ânimo ao time, que agora aparece seis pontos atrás do Pacaembu/Ribeirão Preto (hoje o 10º colocado). Mesmo jogando fora de casa, todos no time mineiro esperam manter o mesmo ritmo e conseguir desempenhar um ótimo jogo, a começar pelo saque, fundamento que ajudou muito no jogo passado. 

“Nossa expectativa é a melhor possível, principalmente levando em consideração que estamos vindo de uma vitória muito importante fora de casa. Estamos fortalecendo cada dia mais os nossos treinamentos e a equipe está muito focada no principal objetivo que é conquistar mais uma vitória. Queremos aproveitar tudo de bom que foi feito na última partida para realizarmos um excelente jogo e surpreender o adversário que é uma forte equipe dentro da competição”, explica o ponta. Gabriel Armanelli 

“Sabemos que vamos enfrentar uma grande equipe, que soma bons resultados na competição. Acreditamos que, mesmo jogando fora de casa, podemos realizar um bom jogo, dar o nosso melhor para assim conquistar os três pontos e continuarmos lutando até o fim da competição”, disse o central Lucas. 

Equipes:

Vôlei UM Itapetininga: Matheus Winck, Gabriel Candido, João Franck, Willian, Thales, Johan e Gian (líbero)
técnico: Peu Uehara

América Vôlei: Rhendrick, Johansen, Pablo, Rammé, Lucas Fonseca, Renan e Lucas Bauer (líbero)
técnico: Henrique Furtado

foto: Vôlei UM/Divulgação & Mourão Panda/América

Comentários