(Superliga) Sada/Cruzeiro passa sufoco e ganha do América Vôlei no tie-break

Jogando no ginásio Tancredo Neves, o Sada/Cruzeiro derrotou, de virada, o América Vôlei por 3 sets a 2, parciais de 25/22. 21/25, 18/25, 25/22 e 9/15, pela 2ª rodada do returno da Superliga 2019/2020. Após grande equilíbrio no primeiro set, com vitória dos donos da casa, o time celeste dominou as ações e conseguiu a virada, com destaque para o trabalho realizado pelos centrais Otávio e Isac. O Coelho não se intimidou e venceu o quarto set, mas no tie-break, o time celeste foi mais eficiente. Com o resultado, os comandados de Marcelo Mendez seguem lideres, com 35 pontos, enquanto o Coelho continua na 11ª posição, com sete pontos.

Empurrado pela torcida, o América Vôlei se impôs no primeiro set. Muito eficiente nos ataques, a equipe ficou à frete do placar desde o começo e manteve a concentração para fechar em 25 a 22. O Sada/Cruzeiro reagiu a partir da segunda parcial, empatou e virou o jogo. Então, o Coelho reencontrou o equilíbrio e, novamente com muita força no ataque, repetiu os 25 a 22 no quarto set. No tie-break, entretanto, a experiência do Sada/Cruzeiro prevaleceu e o time visitante fechou o jogo com 9 a 15.

“Já esperávamos um jogo complicado. O América Vôlei tem uma molecada nova, com muito gás, e o nosso time não correspondeu. Não conseguimos sair de algumas situações difíceis, mas não tem jogo fácil na Superliga. Realmente, todos são difíceis. Quem está dentro de quadra tem que trabalhar, quem entra tem que ajudar e é assim que se constrói uma equipe vencedora”, declarou o oposto Luan.

“A avaliação é boa. Foi uma partida bem jogada e fiquei feliz pela dedicação dos atletas. Jogamos como um time e fomos agressivos. Estamos aprendendo muito durante a Superliga, enfrentando as dificuldades de frente. Vamos ser sempre aguerridos e vamos buscar a vitória sempre. É o espírito desse time”, avalia o técnico Henrique Furtado.

Agora, o Sada/Cruzeiro dá um tempo na Superliga para pensar na semifinal da Copa Brasil, que ocorre na sexta-feira, às 19h30min, diante do Sesc-RJ, em Jaraguá do Sul. Já o América Vôlei só retorna as quadras no dia 30 de janeiro, contra o Denk Maringá Vôlei, às 19h30min, no ginásio Tancredo Neves, em partida adiantada da 9ª rodada do returno.

Equipes:

América Vôlei: Rhendrick, Johansen, Pablo, Rammé, Lucas Fonseca, Renan e Lucas Bauer (líbero)
entraram: Rafael Bairros, Gabriel e Tiago Windmoller
técnico: Henrique Furtado

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Filipe, Perrin, Otávio , Isac e Lukinha (líbero)
entraram: Cledenilson, Luan e Rodriguinho Leme
técnico: Marcelo Mendez

foto: Clarissa Caldeira

Comentários