(Superliga B) Em duelo de cinco sets, Brasília Vôlei/Upis supera Apav Vôlei

Em jogo bem disputado no ginásio do Sesi Taguatinga, o Brasília Vôlei/UPIS levou a melhor sobre a Apav Vôlei por 3 sets a 2, parciais de 20/25, 25/17, 21/25, 25/17 e 17/15, pela 1ª rodada da Superliga B. Em uma partida que foi decidida nos detalhes, o destaque ficou por conta do líbero Matheus Martins, que ficou com o Troféu VivaVôlei, ajudando sua equipe a somar dois pontos. 

Desde o começo do confronto se observava que a partida seria longa e bem disputada. Com as duas equipes bem parecidas em quadra, a liderança do placar foi de alternando até a Apav Vôlei abrir três pontos de vantagem na reta final do set e, com isso, ter certa tranquilidade para fechar a primeira parcial em 20 a 25. Já no segundo set, o Brasília Vôlei/Upis entrou mais concentrado e com destaque para o ponteiro Robinho conseguiu empatar o confronto: 25 a 17. 

No terceiro set, os gaúchos voltaram a sacar melhor e com bom trabalho no side-out e nos contra-ataques abriram boa vantagem no placar. Os donos da casa tinham dificuldades na virada de bola, mas empurrados pela torcida esboçaram uma reação, porém não o suficiente para derrotar a Apav Vôlei, que conseguiu ter tranquilidade para fechar a parcial em 21 a 25. 

Precisando vencer o quarto set, o Brasília Vôlei/Upis foi para cima desde o inicio e com grande trabalho defensivo, onde se destacou o líbero Matheus Martins, conseguiu incomodar o adversário. Aproveitando os erros da Apav Vôlei, o time do Distrot Federal foi abrindo vantagem no placar até fechar em 25 a 17. O tie-break foi extremamente equilibrado, onde qualquer um poderia sair com a vitória. No detalhe, após um erro de recepção dos gaúchos, o time candango venceu por 17 a 15. 

“A estreia foi boa e conseguimos sair com a vitória em uma partida muito disputada. O Apav Vôlei tem um bom time e, apesar de alguns erros de ambos os lados, foi um bom jogo. Essa Superliga B será muito equilibrada e já temos que pensar nos próximos adversários. Agora vamos descansar e nos preparar para enfrentar São José Vôlei no próximo sábado”, analisou o técnico Marcelo Thiessen, do Brasília Vôlei/Upis.

“A equipe oscilou bastante, alternando bons e maus momentos. Mas é natural, pela juventude e período de preparação. Foi nossa primeira partida oficial da temporada, já numa competição oficial, diante de um adversário que vem treinando e jogando vários torneios. Se conseguirmos buscar a regularidade, nossa margem de crescimento é grande”, afirmou o técnico Marcelinho Ramos, do time gaúcho. 

Na próxima rodada, que ocorre no dia 1º de fevereiro, o Brasília Vôlei/Upis recebe o São José Vôlei, às 17h, no ginásio do Sesi Taguatinga. Já a Apav Vôlei encara o JF Vôlei, às 19h, no ginásio La Salle. 

foto: Brasília Vôlei Upis/Divulgação

Comentários