(Copa Brasil) Sada/Cruzeiro vence o Sesi-SP e fatura mais um título

O Sada/Cruzeiro é campeão da Copa Brasil 2020. Diante de um público de cerca de nove mil pessoas, o time dirigido pelo técnico Marcelo Mendez conquistou o quinto título da competição. Jogando na Arena Jaraguá lotada, a equipe mineira venceu, na decisão, o Sesi-SP por 3 sets a 0, parciais de 25/23, 25/22 e 25/12. O maior pontuador da partida, com 18 acertos, foi o oposto Alan, do Sesi-SP. Pelo time campeão, dois jogadores dividiram o posto de maior pontuador: o central Isac e o oposto Luan, com 13 pontos cada um. 

“A nossa equipe está de parabéns pelo que fez hoje. Sabíamos das dificuldades que enfrentaríamos, eles têm um time forte e também estão de parabéns. Mas nós trabalhamos para isso, para nos superar nos momentos decisivos. E é assim, com um passo de cada vez, que se consegue construir uma equipe vencedora. Estamos preparados para o que ainda virá nesta temporada e vamos comemorar muito a conquista de hoje”, disse o oposto Luan. 

“Trabalhamos para jogar cada dia melhor e trabalhamos para sermos campeões também. Nem sempre é possível, mas este é sempre o nosso objetivo. Fico feliz pelo jogo que fizemos na semifinal e por tudo que mostramos hoje nesta decisão”, disse o técnico Marcelo Mendez, que ainda analisou a partida. 

“Nos dois primeiros sets conseguimos fechar e atuar melhor nas bolas decisivas, acho que foram duas ações de bloqueio importantes. Já no terceiro set fizemos muita diferença no ataque e no saque também. Mostramos um bom voleibol e temos que seguir trabalhando assim na Superliga”, analisou Marcelo Mendez. 

“Damos muito duro todos os dias para viver momentos como esse. A Copa Brasil coroa um trabalho que estamos fazendo muito bem feito a cada treinamento. Juntamos a equipe toda em outubro e desde então temos crescido muito individual e coletivamente e acho que estamos no caminho certo”, disse o levantador Fernando Cachopa. 

Equipes:

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Luan, Isac, Otávio, Perrin, Facundo Conte e Lukinha (líbero)
entraram: Filipe, Rodriguinho e Evandro
técnico: Marcelo Mendez

Sesi-SP: William, Alan, Barreto, Éder, Lucas Lóh, Fábio e Murilo (líbero)
entraram: Douglas Pureza, Daniel, Matheus Brasília e Victor Birigui
técnico: Rubinho

foto: Filipe de Andrade/Inovafoto/CBV

Comentários