(Superliga) EMS Taubaté/Funvic supera Vôlei UM Itapetininga e volta a ser líder

Mesmo jogando no ginásio Ayrton Senna, o EMS Taubaté/Funvic foi para cima do Vôlei UM Itapetininga e venceu por 3 sets a 0, parciais de 21/25, 21/25 e 25/27, pela 5ª rodada da Superliga 2019/2020. Com grande volume de jogo, o levantador Rapha conseguiu distribuir bem as jogadas com seus atacantes, com destaque para Mohamed Al Hachdadi. O time do Vale do Paraíba chegou aos 15 pontos, manteve o 100% de aproveitamento e reassumiu a liderança, enquanto os comandados de Peu Uehara pararam nos quatro pontos.

O primeiro set começou com as duas equipes se agredindo bastante, forçando o saque e buscando impor pressão ao adversário. Logo no início o EMS Taubaté/Funvic mostrou mais efetividade e abriu vantagem no placar. O Vôlei UM Itapetininga não amoleceu e em alguns momentos chegou a encostar no marcador. O Taubaté melhorou no saque, tendo bom aproveitamento e variando bem o serviço, e o bloqueio também foi fundamento determinante na vitória por 21 a 25.

O segundo set começou com o Itapetininga forçando bem o saque e impondo bastante pressão no Taubaté. O time da casa conseguiu até abrir boa vantagem e liderou o placar nos primeiros minutos do período. O Taubaté foi buscar a reação com boa consistência no saque. Com o serviço entrando bem, a recepção e o passe do Itapetininga sofreram, e os taubateanos trabalharam bem no bloqueio e virando as bolas de contra-ataque. Com mais volume de jogo na reta final, o Taubaté fechou o set em 21 a 25.

O terceiro set foi o mais equilibrado, com o Vôlei UM Itapetininga liderando boa parte do set. O Taubaté buscou a reação com o saque forçado e apostando nas bolas com os ponteiros. O Itapetininga manteve bom volume de jogo e também impôs pressão no saque. Errando menos nos momentos finais e com bolas decisivas viradas por Lucarelli, o Taubaté fechou em 25 a 27..

“Mais uma vitória muito importante para essa nossa sequência inicial na Superliga. O Itapetininga vinha fazendo ótimas partidas aqui jogando no ginásio deles, e hoje não foi diferente. Impuseram muita dificuldade para nosso time, e nós sabíamos que era um risco deixar eles entrarem no jogo. Então conseguimos construir esse três a zero, não jogando tudo o que podemos, mas encontrando as melhores saídas nos momentos de dificuldade.”, disse o ponteiro Lucarelli.

O EMS Taubaté/Funvic volta a quadra na próxima quarta-feira, às 21h, quando enfrenta o Denk Maringá Vôlei, no ginásio Abaeté. No mesmo dia, às 19h, o Vôlei UM Itapetininga encara o Ponta Grossa Vôlei, no Arena Multiuso.

Equipes:

Vôlei UM Itapetininga: Nicomedes, Gabriel, Pedro Cardoso, Willian, Thales, Johan e Gian (líbero)
entraram: Mateus Winck, João Franck, Alex e Marcos Paculo
técnico: Peu Uehara

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Alhachdadi, Lucão, Maurício Souza, Douglas, Lucarelli e Thales (líbero)
entraram: Eduardo Carisio, Leandro Vissotto e Lipe
técnico: Renan Dal Zotto

foto: Marcio Ferrari/Vôlei UM Itapetininga

Comentários