(Mineiro) América Vôlei supera Anápolis Vôlei e conquista o 3º lugar

Em partida bastante equilibrada, no ginásio Divino Braga, em Betim, o América Vôlei derrotou o Anápolis Vôlei por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/27, 25/23 e 27/25, e conquistou o 3º lugar no Campeonato Mineiro. Essa foi a primeira competição que o time de Montes Claros usa o nome do Coelho e já conquista um pódio, algo muito comemorado por comissão técnica e jogadores. 

A partida iniciou com muitos erros técnicos das duas equipes e acabou vencendo quem errou menos, no caso o América Vôlei, que assumiu a frente do placar a partir do 10º ponto e fechou em 25 a 20. No segundo set, o time goiano começou melhor e comandou o marcador, chegando a abrir quatro pontos de vantagem por duas vezes. No final da parcial, o Coelho encostou, mas o Anápolis Vôlei conseguiu ter tranquilidade para fechar em 25 a 27.

Veio o terceiro set e a disputa foi no ponto a ponto até o empate em 11 a 11. Daí para frente o Coelho conseguiu manter vantagem mínima de segurança, com destaque para o levantador Rendrick, que apostou bastante nas variações de jogadas, e fechou a parcial em 25 a 23, no set mais equilibrado até então na partida. O Anápolis Vôlei entrou pressionado no quarto set, pois precisava da vitória para forçar o tie-break. O time de Goiás chegou a abrir 3 a 0, mas o América Vôlei reagiu e o duelo seguiu muito equilibrado mais uma vez, com seguidos empates e ninguém abrindo mais que dois pontos. No final venceu a equipe treinada por Henrique Furtado por 27 a 25. 

Agora, o América Vôlei se prepara para a estreia na Superliga 2019/2020, que ocorre no dia 10, contra o Sesc-RJ, no ginásio Tancredo Neves. Já o Anápolis Vôlei aguarda ainda a definição das datas para a Superliga B, que tem previsão de inicio para janeiro.

Equipes:

América Vôlei: Rendrick, German, Rammé, Jonatas, Pedrão, Renan e Lucas Bauer (líbero)
entraram: Pablo, Kachel, Rafael, Lucas e Tiago
técnico: Henrique Furtado

Anápolis Vôlei: Paulo Renan, Leandrão, Bruno Temponi, Madaloz, Vini e Matheus (líbero)
entraram: Índio, Wanderson e Lucas Gil
técnico: Ricardo Picinin

foto: Anápolis Vôlei/Divulgação

Comentários