(Paulista) No tie-break, Vôlei Ribeirão bate São José Vôlei fora de casa

Fechando a fase classificatória do Campeonato Paulista – Divisão Especial, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão derrotou o São José Vôlei por 3 sets a 2, parciais de 23/25, 25/20, 24/26, 26/24 e 10/15, no ginásio do Sesi, em São José dos Campos. Com o resultado, os comandados de Marcos Pacheco chegaram aos oito pontos e terminam a fase na 6ª colocação, enquanto o time do Vale do Paraíba foi o 7º colocado, com seis pontos ganhos. 

No primeiro set, o São José Vôlei permaneceu desde o início na frente do placar, entretanto a vantagem não saía da margem de um ou dois pontos, foi quando os visitantes viraram a partida para 15 a 14 e passaram a ter o controle do jogo e permaneceram na frente até fechar o set em 25 a 23. 

O set seguinte começou com o Ribeirão na frente do marcador, mas logo a equipe joseense buscou uma reação e após três pontos consecutivos viraram em 8 a 6, obrigando os visitantes a pedirem tempo. A parada fez que o equilíbrio voltasse ao set, mas sempre com os donos da casa na dianteira até conquistar o set por 25 a 20. 

O terceiro set foi marcado por muito equilíbrio no qual as equipes foram intercalando pontos, mas após um erro de saque do Vôlei Ribeirão, o time joseense fez uma sequência de seis e abriu 13 a 7 no placar. Após uma parada técnica, os visitantes se ajustaram e retornaram bem para partida e foram buscar o resultado, virando em 24 a 23 e assim o set ficou com o Ribeirão por 26 a 24. 

Novamente o quarto set teve um início equilibrado, com os times alternando pontos. Até o central Renan Levandoski ir para o saque e fazer o São José abrir três pontos de vantagem fazendo 8 a 5. O Vôlei Ribeirão não deixou o placar se distanciar e fez sua virada quando o marcador apontava 12 a 11, obrigando o treinador Willian Santa Maria a mexer na formação e colocar o levantador Cesinha. A alteração teve efeito, os donos da casa não somente viraram a partida quanto abriram 17 a 15. O Ribeirão novamente buscou a reação e colocou 20 a 19 no placar, mas quando o set parecia perdido, Rodrigo com dois aces virou a partida em 23 a 22 e levou a torcida ao delírio. O Vôlei Ribeirão bem que tentou, mas o set foi joseense por 26 a 24. 

O tie-break começou equilibrado, mas com os visitantes tendo mais calma tanto que foram para a virada de quadra em vantagem e abriram 3 pontos de diferença fazendo 10 a 7. Tendo mais tranquilidade, o Vôlei Ribeirão venceu o set por 15 a 10. 

“Avalio a partida como positiva a nossa equipe teve uma evolução muito grande. A gente vinha pecando muito em alguns aspectos na recepção e hoje não foi o nosso erro. Enfim, acho que foi um detalhezinho, questão de calma. Mas está todo mundo de parabéns e agora é ir para os playoffs”, comentou o ponteiro Rodrigo. 

“Novamente sei que é um pouco repetitivo, mas nós temos uma equipe muito jovem. São jogadores que precisam passar por esses momentos para poder crescer na carreira e hoje foi exemplo disso. Tem momentos que conseguimos equilibrar o jogo, ter um poder ofensivo, o físico e o técnico muito bons, só que em momentos decisivos que precisamos crescer a gente ainda sente um pouco o jogo, mas isso é passivo de trabalho. Termos que ser incisivos nesses pontos para trazer bons frutos lá na frente’ afirmou o treinador Willian Santa Maria. 

Nas quartas de final, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão enfrentará o EMS Taubaté/Funvic (3º colocado), enquanto o São José Vôlei terá pela frente o Sesi-SP (2º colocado). Além desses confrontos ainda teremos Vôlei Renata (1º) x São Judas Vôlei (8º) e Vôlei UM Itapetininga (4º) x Climed/Atibaia (5º). A FPV deve confirmar datas e horários nesta segunda-feira. 

foto: Ju Kageyama

Comentários