(Paulista) Vôlei Renata se impõe no Taquaral e derrota Vôlei Ribeirão

Em confronto que encerrou a 3ª rodada do Campeonato Paulista – Divisão Especial, o Vôlei Renata mostrou a sua força dentro do ginásio Taquaral e derrotou o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão por 3 sets a 0, parciais de 29/27; 25/22 e 25/19. Essa foi a terceira vitória da equipe de Campinas, ou seja, permanece invicta no Estadual, ocupando a 3ª colocação, com oito pontos. Já o time de Ribeirão Preto caiu para o 6º lugar, com três pontos ganhos. 

Apoiado pela torcida, o Vôlei Renata começou impondo um ritmo forte. Em passagem de Canuto pelo saque, o time campineiro encaixou boa sequência de bloqueios com Michel e obrigou o adversário a pedir tempo (5 a 1). Mesmo com bom aproveitamento no ataque do Vôlei Renata, a equipe visitante conseguiu reagir e encostou na reta final (20 a 19). Com o equilíbrio, a emoção tomou conta do ginásio. Canuto levantou a torcida campineiro em bloqueio simples após rally (25 a 24). Em meio a tensão, Luizinho não desperdiçou contra-ataque e deu aos mandante o primeiro set: 29 a 27. 

O segundo set começou mais equilibrado, com os dois times trocando pontos no início. Com sistema bloqueio-defesa ajustado, o Vôlei Renata forçou o adversário a errar e conseguiu abrir vantagem (10 a 6). Mesmo com as tentativas de reação do time visitante, os campineiros mantiveram a consistência empurrados pela boa atuação do oposto Renan no ataque (18 a 15). Sem perder a concentração, a equipe de Campinas não teve trabalhos para abrir 2 a 0 fazendo 25 a 22 em ataque de Canuto. 

Na terceira parcial, os campineiros se impuseram desde o início. Em passagem pelo saque de Michel, o Vôlei Renata saltou na frente do placar e obrigou o adversário a pedir tempo após ace (6 a 2). Os donos da casa não deixaram o ritmo cair e levantaram a torcida após cortada de Renan, após defesa com o peito de Luizinho (10 a 6). Aproveitando os erros do adversário e a precisão no ataque, os mandantes seguiram ampliando em bloqueio de Canuto (15 a 9). Com a torcida empolgada, o Vôlei Renata não teve dificuldades para fechar em 25 a 19. 

“O primeiro set é sempre o mais difícil. Ele indica como vai ser o jogo, como vai ser o ritmo das equipes. A gente teve alguns pontos baixos, mas no geral fizemos um bom jogo. Engatamos uma sequência, mas estamos focados em seguir melhorando”, comentou o ponteiro Bruno Canuto. 

O Vôlei Renata volta às quadras para enfrentar São Judas Voleibol, na próxima terça-feira, às 19h30min, novamente no ginásio Taquaral. No mesmo dia e horário, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão encara o Sesi-SP, na Cava do Bosque. 

foto: Marcos Ribolli/Vôlei Renata

Comentários