(Superliga) EMS Taubaté/Funvic e Sada/Cruzeiro fazem 2º jogo nesta terça

O segundo jogo entre EMS Taubaté/Funvic e Sada/Cruzeiro da semifinal da Superliga 2018/2019 ocorre nesta terça-feira, às 21h30min, no ginásio Abaeté. No primeiro duelo, no Riacho, em Contagem, o time do Vale do Paraíba venceu por 3 sets a 1 e abriu 1 a 0 na série melhor de cinco partidas. Com expectativa de lotação máxima o que se espera é um duelo equilibrado e que pode ser acompanhado pelo SporTV 2. 

A EMS Taubaté/Funvic deu um passo importante na luta por uma vaga na final ao vencer a primeira partida, porém todos acreditam que o foco precisa ser a cada lance, a cada set e a cada jogo nesta série semifinal. O jogo coletivo apresentado no sábado passado, onde quem entrou manteve o bom nível em quadra ou conseguiu mudar algumas situações em momentos importantes, pode ser um diferencial da equipe paulista. 

“A postura da equipe no sábado foi muito guerreira, focada, determinada em busca daquilo que a gente estudou do adversário. Entregamos nosso máximo em quadra e não desistimos em nenhum momento em nenhum lance. O jogo de equipe foi muito importante e determinante para a vitória. Em termos de fundamentos, acredito que o saque e ataque foram os pontos decisivos a nosso favor.”, analisou o levantador Rapha, que acredita em grande equilíbrio. 

“O jogo de terça feira será muito difícil. O Sada é um time acostumado a decisões, assim como o nosso também é, então será um novo confronto bem equilibrado. Acho difícil os time mudarem taticamente alguma coisa a essa altura do campeonato. O que veremos são times tentando neutralizar os pontos mais fortes do outro. É o que deveremos ter nesse próximo jogo, com as duas equipes muito agressivas. A nós, cabe atenção total o jogo todo nos detalhes para conseguirmos outra vitória.”, disse o capitão de Taubaté. 

“Cada partida será como uma final. Os dois times jogaram em alto nível no primeiro jogo e ambos têm possibilidades de vencer qualquer partida. Temos que pensar a cada ponto a cada set e tentar executar cada ação na maior concentração e capricho possível. Um jogo nesse nível sempre será decidido nos detalhes”, disse o oposto Leandro Vissotto. 

No Sada/Cruzeiro, a derrota na abertura da série semifinal serviu para mostrar que qualquer resultado é possível, ainda mais que na edição anterior da Superliga, na mesma etapa, os mineiros só conseguiram passar para a decisão no quinto duelo. Independente de jogar no Abaeté, todos na Raposa sabem da importância de conquistar a vitória e igualar o confronto. 

“Essas semifinais com certeza serão muito disputadas, com dois grandes times de cada lado. Mas a gente tá indo mordido pra Taubaté. Nós não esperávamos uma derrota no primeiro jogo em Contagem, a gente tava bem preparado, bem treinado, mas infelizmente o resultado foi negativo. E agora nós vamos entrar 100%, para deixar tudo o que a gente tem em quadra neste jogo. Nosso objetivo é a vitória, igualar o placar e continuar com a vantagem de jogar em casa”, reforçou o oposto Evandro. 

Equipes:

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Vissoto, Lucarelli, Conte, Lucão, Otávio e Thales (líbero)
técnico: Renan Dal Zotto

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Sander, Rodriguinho, Le Roux, Isac e Serginho (líbero)
técnico: Marcelo Mendez

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro

(Paulista) Sesi-SP estreia contra a Climed/Atibaia nesta quarta-feira