(Superliga) EMS Taubaté Funvic e Vôlei Renata abrem as quartas de final

As quartas de final da Superliga 2018/2019 começam neste sábado, às 11h30min, quando EMS Taubaté/Funvic e Vôlei Renata se enfrentam, no ginásio do Abaeté. O confronto do terceiro contra o sexto colocado gera equilíbrio. O time taubateano encerrou a fase classificatória com 47 pontos após 17 vitórias e cinco derrotas, enquanto a equipe de Campinas terminou com 37 pontos somados em 12 resultados positivos e 10 negativos. A partida terá transmissão do SporTV 2. 

Na EMS Taubaté/Funvic, o momento é de pensar jogo a jogo e mostrar que o elenco montado nesta temporada tem condições de ganhar o inédito título da Superliga. A saída de Daniel Castellani e a chegada de Renan Dal Zotto ocasionou algumas mudanças no time-base, com a titularidade do levantador Rapha e uma maior sequência em quadra da dupla de ponteiros Douglas Souza e Lucarelli. 

“A Superliga tem essa característica de muito equilíbrio, e todo jogo tem suas dificuldades, o Campinas fez uma campanha muito boa na primeira fase, derrotando o próprio Taubaté. Nosso trabalho está sendo intenso para que tenhamos uma atuação consistente, impondo nosso volume de jogo e agressividade nesse primeiro confronto”, comentou o técnico Renan Dal Zotto. 

“Agora começa um novo campeonato. Temos a possibilidade de aproveitar o mando de campo por mérito nosso de termos nos classificado em terceiro. Sabemos que o time de Campinas joga muito bem e tem uma qualidade de jogo muito boa, mas o nosso time está numa crescente e estamos muito motivados para essa fase tão importante do campeonato. As expectativas são as melhores e queremos começar com força total”, disse o levantador Rapha. 

Pelo lado do Vôlei Renata, todos sabem da qualidade do adversário, mas ninguém duvida que a equipe possa passar para as semifinais. Com jogadores experientes e acostumados com finais de Superliga, como o levantador Demian Gonzalez e o central Vini, o time de Campinas entra confiante e sabe que a série será definida a favor de quem errar o menos possível em quadra. 

“Para mim, uma das coisas mais difíceis em um time é adquirir e manter uma identidade. Trabalhamos muito durante toda temporada para conquistar isso e vamos entrar muito fortes nos playoffs justamente por causa dessa característica. Estou bastante confiante. Enfrentaremos um time valorizado, com jogadores de nível internacional, mas vamos seguir acreditando na força e na ideia de jogo para tentar buscar o resultado”, comentou o técnico Horácio Dileo. 

“Agora é um outro campeonato, com emoções diferentes e ainda mais estudado. Essa fase ao meu ver é totalmente mental. Não tem respiro e só a vitória interessa. Não tem mais essa de 3 x 2 ou 3 x 1. O foco é total em cada ponto a ser disputado”, destacou o central Vini, que ainda falou sobre o desafio que terá pela frente no playoff contra o EMS Taubaté/Funvic. 

“Teremos uma missão muito difícil, que é jogar na casa do adversário com o elenco que tem, mas estamos bem. O nosso time evoluiu muito no segundo turno e construímos uma base sólida, pensando nesta fase. Precisamos sacar bem para tentar diminuir o poder de ataque deles. Mas, a meu ver, temos que focar no nosso time, na nossa postura. Tenho certeza que será um grande jogo. Aliás, uma grande série de quartas de final”, concluiu Vini. 

Equipes:

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Leandro Vissotto, Lucarelli, Douglas Souza, Otávio, Lucão e Thales (líbero)
técnico: Renan Dal Zotto

Vôlei Renata: Demian González, Dani, Renan, Vaccari, Luizinho, Vini e Lukinha (líbero)
técnico: Horácio Dileo

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro

(Paulista) Sesi-SP estreia contra a Climed/Atibaia nesta quarta-feira