(Superliga) Sesi-SP derrota EMS Taubaté/Funvic e segue na cola do líder

Fechando a 8ª rodada do returno da Superliga 2018/2019, o Sesi-SP derrotou a EMS Taubaté/Funvic por 3 sets a 1, parciais de 26/24, 25/19, 23/25 e 25/17, no ginásio da Vila Leopoldina. Com o resultado, o clube paulistano chegou aos 47 pontos e manteve a vice-liderança (um atrás do Sada/Cruzeiro), enquanto o time do Vale do Paraíba parou nos 41 pontos e segue na 3ª colocação. 

O primeiro set foi bastante equilibrado. O jogo começou com a EMS Taubaté/Funvic variando bem o saque e com os ponteiros virando bolas importantes. O Sesi-SP confirmou sua força na recepção e se aproveitou também da boa efetividade de suas bolas de ataque. Nenhum dos times conseguiu abrir vantagem no marcador, mas errando menos, o Sesi-SP se manteve à frente e conseguiu fechar o primeiro set em 26 a 24. 

O segundo set seguiu com um jogo equilibrado até metade do período. O Taubaté seguiu sacando bem, e a defesa também teve bons momentos. O Sesi-SP manteve a ótima efetividade nas bolas de ataque, e contando com mais erros taubateanos, conseguiram abrir vantagem confortável. Trocando bolas até o final, os visitantes venceram por 19 a 25. 

O terceiro set foi de reação da EMS Taubaté/Funvic, que conseguiu ter ótima efetividade do saque, complicando a recepção do Sesi-SP. As bolas com os ponteiros Douglas Souza e Facundo Conte também foram decisivas no set. O Sesi-SP liderou por boa parte do período, mas na reta final os taubateanos emplacaram boa sequência de saques, virando o placar e vencendo o set por 25 a 23. 

O quarto set foi novamente de superioridade do Sesi-SP, que forçou bem o saque e complicou a recepção taubateana. Sem efetividade no bloqueio, e sofrendo com os ataques do Sesi-SP, o Taubaté não teve forças para reagir, e o time paulistano venceu por 25 a 17. 

“Foi um bom jogo. Poderíamos ter feito um 3 a 0, mas nesse nível pecar em algumas bolas na hora de definir é fatal, ainda mais fora de casa. O adversário jogou com apoio da torcida, deu uma inflamada em umas bolas defendidas e complicou. Mas, o nosso time foi bem coeso, firme, jogamos concentrados o tempo todo, administramos bem a pequena vantagem que tivemos durante o jogo, rodamos bem e colocamos pressão no time deles”, disse o levantador William, que ainda elogiou o crescimento da equipe. 

“Nosso time está crescendo e mostrando um padrão de jogo bem interessante. De pouco tempo para cá, o time melhorou bastante nesse sentido e agora é trabalhar nesse finalzinho de returno para conseguir estar entre os dois primeiros e ter alguma vantagem, se é que existe qualquer vantagem em um campeonato tão equilibrado como esse”, finalizou William. 

Na próxima quinta-feira, às 21h30min, o Sesi-SP encara o Sesc-RJ, novamente no ginásio da Vila Leopoldina. Já a EMS Taubaté/Funvic pega, no mesmo dia, às 20h, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão, no ginásio Abaeté. 

Equipes:

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Abouba, Otávio, Athos, Lucarelli, Conte e Thales (líbero)
entraram: Leandro Vissotto, Uriarte, Robinho, Douglas Souza e Renan
técnico: Ricardo Navajas

Sesi-SP:
William, Alan, Lipe, Lucas Loh, Éder, Gustavão e Murilo (líbero)
entraram: Evandro, Barreto, Pureza e Franco
técnico: Rubinho

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações