(Superliga) Sada/Cruzeiro vence São Judas Voleibol e continua líder isolado

Jogando no ginásio do Riacho, em Contagem, o Sada/Cruzeiro derrotou o São Judas Voleibol por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/20 e 25/18, pela 7ª rodada do returno da Superliga 2018/2019. Com o resultado, o time celeste chegou aos 45 pontos e continua na liderança isolada da competição, enquanto a equipe paulista, que soma cinco pontos, está na lanterna. 

Desde o começo da partida, o Sada/Cruzeiro forçou bastante o saque, prejudicando o passe adversário. O central Le Roux e o ponteiro Rodriguinho foram responsáveis pela boa performance do ataque celeste, que fechou o primeiro set em 25 a 17. Na segunda parcial, novamente os comandados de Marcelo Mendez tiveram o domino das ações e com boas variações do levantador Sandro fechou em 25 a 20. Como se fosse uma repetição, a Raposa impôs seu ritmo de jogo e fechou o duelo com vitória de 25 a 18. 

“Não tem jogo fácil nesta Superliga. Acho que fizemos uma boa partida e conseguimos mais três pontos importantes. Nesta fase do campeonato nós temos que manter o foco a cada set, cada jogo”, disse o central Le Roux, eleito o melhor em quadra. 

“Eu entrei rapidamente, mais no final da partida, mas a gente tem que estar preparado pra qualquer situação e aproveitar as oportunidades. Agora temos a partida contra o Minas na sexta-feira e nas próximas semanas teremos jogos bem puxados, no Sul-Americano e depois confrontos importantes da reta final do returno. Vamos trabalhar forte”, afirmou o central Éder Levi. 

Nesta sexta-feira, às 19h, o Sada/Cruzeiro faz o clássico mineiro diante do Fiat/Minas, no ginásio do Riacho, em Contagem. Já o São Judas Voleibol entra em quadra no sábado, às 11h, quando recebe o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão, no ginásio Baetão, em São Bernardo do Campo. 

Equipes:

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Filipe, Rodriguinho, Le Roux, Robert e Serginho (líbero)
entraram: Sandro, Leozinho, Éder Levi e Lucas Bauer
técnico: Marcelo Mendez

São Judas Voleibol: Brasília, Diego, Leitzke, Pedro, Matheus, Alisson Bastos e Bruno Zanquin (líbero)
entraram: Alemão, Gabriel, João Victor e Matoso
técnico: Orlando Araújo

foto: Agência i7

Comentários