(Superliga) Em jogo equilibrado, EMS Taubaté/Funvic derrota Sesc-RJ

Pela 7ª rodada do returno da Superliga 2018/2019, a EMS Taubaté/Funvic levou a melhor sobre o Sesc-RJ por 3 sets a 2, parciais de 22/25, 25/23, 21/25, 32/30 e 15/12, na Jeunesse Arena. Com o resultado, o time do Vale do Paraíba chegou aos 41 pontos e permanece na 3ª colocação, enquanto os cariocas seguem na 4ª posição, com 36 pontos ganhos. 

O primeiro set começou equilibrado com as equipes forçando o saque. O Sesc-RJ se apoiou bastante nas bolas com o oposto Wallace, que acabou sendo o maior pontuador do time no jogo. Pelo lado da EMS Taubaté/Funvic, as bolas de meio foram as que melhor funcionaram, e a equipe chegou a equilibrar a partida e empatar em alguns momentos. No entanto, os taubateanos erraram mais e deram a vantagem necessária para o Sesc-RJ fechar o set em 25 a 22. 

O segundo set foi mais equilibrado, com a EMS Taubaté/Funvic errando menos e tendo mais efetividade no período. Destaque para a entrada do central Otávio em quadra, que retornou ao voleibol após cinco meses fora devido a uma lesão no tendão calcâneo. O técnico Ricardo Navajas fez algumas mudanças, promovendo a entrada do ponteiro Douglas Souza. Após estar atrás no placar em boa parte do set, o Taubaté iniciou uma reação e após uma passagem ótima do levantador Rapha no saque, fez 22 a 20. O Sesc-RJ foi buscar o empate e equilibrou novamente o jogo. O diferencial taubateano na reta final do set foi Douglas Souza, que virou ao menos duas bolas decisivas, fazendo com que a EMS Taubaté/Funvic fechasse em 23 a 25. 

O terceiro set começou com as duas equipes sacando forçado e as defesas tendo muito trabalho para recepcionar. A EMS Taubaté/Funvic teve como principal destaque as bolas com os ponteiros, em especial Douglas Souza que seguiu fazendo boa partida na parte ofensiva. No entanto, errando mais que o time da casa, o Taubaté não conseguiu impor um bom jogo, e o Sesc-RJ se aproveitou para confirmar a vitória por 25 a 21. 

O quarto set foi extremamente emocionante. Com o ponteiro Douglas Souza e o oposto Abouba fazendo ótimo papel no ataque, a EMS Taubaté/Funvic manteve o jogo equilibrado a todo momento. O Sesc-RJ seguiu sacando forçado para complicar a recepção adversária. O bloqueio taubateano voltou a ser bastante efetivo e manteve a equipe no páreo. O jogo seguiu equilibrado em todo o período. O Sesc-RJ chegou a ter três match points, mas o Taubaté não se entregou e, após trocar bolas até o empate em 30 a 30, arrancou para a vitória. A partir daí foram justamente com uma bola atacada por Abouba e um ace de Douglas Souza que o Taubaté venceu o set por 30 a 32. 

O tie-break começou com o Sesc-RJ abrindo 2 a 0, mas a EMS Taubaté/Funvic logo encaixou uma boa sequência de saques, forçando erros do adversário e tomando a dianteira no placar. Com atuação consistente e decisiva de Douglas Souza e Lucarelli, os taubateanos abriram vantagem de dois pontos, administrando até fechar em 12 a 15. 

“A vitória foi de extrema importância para o nosso time. Foi um jogo de altíssimo nível e foi fundamental o fato de termos cometido poucos erros ao longo da partida. Ainda temos muito o que melhorar, como nosso saque, que tem que ser mais constante, nossa linha de passe, que hoje acho que estranhou um pouquinho a dimensão do ginásio, mas conseguimos nos estruturar ao longo do jogo, isso foi muito bem, e saímos com a vitória”, disse o ponteiro Douglas Souza, que ainda falou sobre como seu time conquistou esse resultado positivo. 

“Sabíamos que ia ser jogo difícil por ser contra uma equipe tão forte, ainda mais estando em casa. Sempre é complicado. Mas, foi importante ter cabeça boa para sair do0s momentos difíceis, principalmente nos finais de set. Soubemos jogar, ter paciência na hora certa, agressividade na hora certa, e isso sobressaiu no jogo”, complementou Douglas. 

“Fizemos uma boa partida, tivemos chances de fechar o jogo no quarto set, mas não conseguimos. Não vencemos por detalhes, infelizmente, faltou um pouco de capricho em algumas viradas de bola. Agora é trabalhar e focar no próximo jogo”, disse o central Leandro Aracaju. 

No próximo sábado, às 20h30min, a EMS Taubaté/Funvic volta à quadra diante do Sesi-SP, no ginásio Abaeté. No mesmo dia, às 19h, o Sesc-RJ recebe o Vôlei UM Itapetininga, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro. 

Equipes:

Sesc-RJ: Thiaguinho, Wallace, Leandro Aracaju, Tiago Barth, Maurício Borges, Penchev e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Djalma, Everaldo, Alexandre Elias, Japa e PV
técnico: Giovane Gávio

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Abouba, Renan, Athos, Lucarelli, Conte e Thales (líbero)
entraram: Leandro Vissotto, Uriarte, Robinho, Douglas Souza e Otávio
técnico: Ricardo Navajas

foto: Erbs Jr

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro