(Superliga) Vôlei Renata vence São Judas e continua na 5ª colocação

No encerramento da primeira rodada do returno da Superliga 2018/2019, o Vôlei Renata venceu o São Judas Voleibol por 3 sets a 1, parciais de 25/18, 25/21, 25/22 e 21/25, no ginásio do Baetão, em São Bernardo do Campo. Com o resultado, o time de Campinas chegou aos 20 pontos e segue na 5ª colocação, enquanto os comandados de Orlando Araújo pararam nos quatro pontos e permanecem na lanterna. 

O início da partida teve equilíbrio, com o Vôlei Renata mantendo pequena vantagem de dois pontos. No ace de Dani, 6 a 4. Vini bloqueou e o time visitante aumentou a vantagem: 8 a 5. No erro do adversário, o São Judas Voleibol reduziu a diferença, fazendo 8 a 10. No ace de Demián, o Vôlei Renata chegou a 12 a 8. Com Michel, colocou cinco de vantagem em 15 a 10. A equipe de Campinas aumentou a diferença no placar no ataque de Vini, chegando a sete pontos: 17 a 10. O marcador ainda apontou 20 a 12 para os visitantes. Com bloqueio de Michel, 22 a 14. Dani fechou o set a favor do vôlei Renata em 25 a 18. 

O São Judas Voleibol voltou com o ritmo mais forte no segundo set e abriu 5 a 1 em boa passagem de Willian pelo saque. Neste momento, Horacio Dileo pediu tempo. A parada fez efeito e, com Dani, o Vôlei Renata chegou ao ponto de empate: 5 a 5. O jogo seguiu bem disputado. Com Tavares, o Vôlei Renata abriu dois em 11 a 9. Em uma parcial mais equilibrada, Leitzke deixou tudo igual em 13 a 13. Com Tavares, o time de Campinas marcou 17 a 15. A partir deste momento, o Vôlei Renata abriu vantagem e, quando chegou a 21 a 16, Orlando Araújo pediu tempo. O São Judas Voleibol reagiu e levou a diferença para apenas três em 19 a 22. O Vôlei Renata, no entanto, voltou a pontuar e fechou a parcial em 25 a 21, 

Michel abriu o placar do terceiro set. Com Tavares na pipe, o Vôlei Renata abriu três de frente em 5 a 2. Em boa passagem de Willian pelo saque, o São Judas Voleibol chegou ao ponto de empate em 5 a 5. Com Tavares pontuando bem, o Vôlei Renata chegou a 10 a 8. O marcador ficou girando sempre com dois de diferença a favor do time visitante. Com Renan, a equipe de Campinas conseguiu abrir três em 15 a 12. O São Judas reagiu, no bloqueio encostou em 16 a 17, e Dileo pediu tempo. O terceiro set ficou igual em 20 a 20. Na reta final, o time da casa fez 21 a 20. O São Judas Voleibol seguiu embalado até fechar em 25 a 22. 

Empate em 2 a 2 logo no começo do quarto set. Novo empate em 4 a 4. Com Alisson, o São Judas Voleibol mais uma vez deixou tudo igual: 6 a 6. A parcial seguiu disputada ponto a ponto e esteve igual em 9 a 9. Com Michel, o Vôlei Renata conseguiu abrir dois em 12 a 10. O placar foi a 16 a 13. Com Vini em combinação rápida pelo meio, o time visitante marcou 17 a 14. No erro do adversário, os visitantes abriram 20 a 16 e Orlando Araújo parou o jogo com pedido de tempo. Com Vini, o Vôlei Renata fechou em 25 a 21. 

“Sabemos que nessa Superliga Cimed não tem jogo fácil. Hoje pegamos o último colocado, mas foi um time que dificultou bastante para o nosso lado. Começamos bem, fazendo a marcação combinada, depois eles reagiram, nós também erramos muito, trouxemos o adversário para o jogo, mas conseguimos finalizar com vitória”, disse o oposto Dani. 

“Estamos tentando melhorar para o prosseguimento da Superliga Cimed. Estamos em quinto em uma competição muito forte, com equipes muito equilibrados. Não fizemos um primeiro turno tão bom, mas em casa jogamos muito bem. Hoje foi a primeira vitória como visitante. Temos que seguir trenando, melhorando jogo a jogo”, comentou o levantador Demian Gonzalez. 

Na segunda rodada do returno, o São Judas Voleibol segue em casa e receberá o Vôlei UM Itapetininga no próximo sábado, às 11h. Já o Vôlei Renata voltará a atuar diante de sua torcida, no mesmo dia, quando enfrentará o Fiat/Minas, às 17h, no ginásio Taquaral. 

Equipes:

São Judas Voleibol: Matheus Brasília, Szot, Leitzke, Dutra, Pedro, Willian e Rafinha (líbero)
entraram: Carrasco, Alisson, Matoso, Matheus e Pilan
técnico: Orlando Araújo

Vôlei Renata: Demián Gonzalez, Dani, Vini, Michel, Bruno Temponi, Renan e Lukinha (líbero)
entraram: Tavares, Bello, Melqui, Daisel
técnico: Horacio Dileo

foto: Yuri Gomes/São Judas Voleibol

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações