(Superliga) Sesi-SP derrota Copel Telecom/Maringá e segue na cola do líder

Pela segunda rodada do returno da Superliga 2018/2019, o Sesi-SP levou a melhor sobre o Copel Telecom/Maringá por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 21/25, 25/22 e 25/20, no ginásio Chico Neto. Com o resultado, o clube paulistano segue na vice-liderança, agora com 30 pontos, dois a menos que o líder Sada/Cruzeiro, enquanto os paranaenses, que pararam nos 20 pontos, caíram pra a 7ª colocação da tabela. 

A partida começou com equilíbrio, com o empate em 4 a 4. O Sesi-SP, então, abriu dois pontos em 6 a 4 e a vantagem aumentou em 9 a 6. Quando o time de São Paulo abriu 14 a 10, Alessandro Fadul pediu tempo. O time visitante teve seis pontos a frente em 16 a 10. Os visitantes seguiram no comando do placar, chegaram a 21 a 14 e o técnico do Cope Telecom Maringá parou o jogo novamente. O time da casa, então, reagiu, passou a pontuar mais na reta final do set, mas o Sesi-SP fechou em 25 a 20. 

O Copel Telecom/Maringá Vôlei começou na frente no segundo set (3 a 2). No bloqueio de Éder, o Sesi-SP assumiu o comando do marcador: 4 a 2. O set esteve igual em 7 a 7. Diferente da primeira parcial, a segunda teve bastante equilíbrio: 11 a 11. Os donos da casa abriram dois de vantagem em 16 a 14. Com Hugo, o Copel Telecom ainda marcou 21 a 19. Embalado pela torcida, o Copel Telecom venceu por 25 a 21. 

O Sesi-SP teve dois de frente em 6 a 4 no início do terceiro set. No bloqueio de Éder e Lipe, o time visitante abriu 9 a 6. Neste momento, Fadul pediu tempo. No ace de Lipe, 13 a 9. O Sesi-SP ainda marcou 15 a 11. Com dois bloqueios seguidos, o Copel Telecom/Maringá fez 13 a 15. Com ponto de saque de Vini, o time da cssa encostou em 15 a 16. Lipe pontuou e o Sesi-SP chegou a 19 a 16. No bloqueio, os visitantes fizeram 22 a 18. O Sesi-SP manteve o ritmo e fechou em 25 a 22. 

O Copel Telecom/Maringá esteve no comando do placar em 3 a 2 e, com Barreto pelo meio de rede, o Sesi-SP empatou em 3 a 3. Com Satiro, os donos da casa marcaram 6 a 4 e depois tiveram apenas um de vantagem em 8 a 7. No bloqueio de William, o time paulista assumiu o comando (9 a 8). O set ficou igual em 12 a 12. Com Renato, o Sesi-SP marcou 16 a 13. A diferença foi a três (18 a 15) e Fadul pediu tempo. No bloqueio de Barreto, 22 a 16. E o Sesi-SP fechou em 25 a 20. 

“Sempre importante conseguir uma vitória porque o campeonato está muito equilibrado. Um resultado por três pontos é sempre bom para nos mantermos entre os primeiros na classificação. Jogar contra uma equipe como Maringá, na casa deles, é difícil e é muito bom ganhar”, disse o oposto Alan, eleito o melhor em quadra. 

“Tivemos muito erros no primeiro set e para jogar contra uma equipe como o do Sesi-SP isso não pode acontecer. Agora vamos treinar forte para reduzir os erros e repetir as boas atuações que estamos apresentando”, comentou o levantador Rodrigo Ribeiro. 

Na terceira rodada do segundo turno da Superliga 2018/2019, o Copel Telecom/Maringá receberá o atual campeão, Sada/Cruzeiro, no ginásio Chico Neto, no dia 31, às 19h30min, Já o Sesi-SP voltará a jogar um dia antes, às 18h, contra o Caramuru Vôlei, no ginásio da Vila Leopoldina. 

Equipes:

Copel Telecom/Maringá: Rodrigo Ribeiro, Lucas Barros, Johan, Deivid, Hugo, Daniel e Mário Jr. (líbero)
entraram: Vini, Satiro, Thomáz, Jhonatan e Vinícius
técnico: Alessandro Fadul

Sesi-SP: William, Alan, Gustavão, Éder, Lipe, Renato e Douglas Pureza (líbero)
entraram: Evandro, Franco e Barreto
técnico: Rubinho

foto: João Paulo Santos/Resenha Comunicação

Comentários