(Libertadores) Sada/Cruzeiro perde no tie-break para Ciudad Voley

O Sada/Cruzeiro perdeu para o Ciudad Voley por 3 sets a 2, parciais de 25/21, 21/25, 25/18, 21/25 e 15/09, no ginásio República de Venezuela, na Argentina. O resultado colocou a equipe celeste na 3ª posição do Grupo A, com sete pontos, ou seja, com poucas chances de garantir vaga na fase final da Copa Libertadores, que ocorrerá em Taubaté. 

Com bom trabalho de Osoria e Benavídez, o Ciudad Voley foi consistente durante todo o primeiro set. O Sada/Cruzeiro foi hesitante e demorou para entrar em jogo, mas as boas intervenções do seu capitão Filipe mantiveram a pontuação equilibrada (17 a 17). Entrando no resultado, os argentino, com destaque para Luciano Palonsky levaram a parcial por 25 a 21. 

No segundo set, os brasileiros assumiram a liderança, mostraram seu potencial e administraram o ritmo da parcial. Enquanto o Ciudad Voley tentava neutralizar o ataque celeste, os jovens Luan e Robert faziam a diferença: 17 a 20. No final, os comandados de Marcelo Mendez fecharam o período por 21 a 25. 

No terceiro set, o Cudad Voley começou melhor e aproveitou uma passagem positiva no ataque de Palonsky e Felipe Benavídez para tirar uma grande vantagem (11 a 5). O Sada/Cruzeiro tentou se recuperar e chegou a esboçar uma reação: 20 a 15. Por fim, Felipe Benavidez fechou a parcial em um ataque: 25 a 18. Com muitas variantes e tentando mudar o rumo da partida, os mineiros foram para cima no quarto set e abriram 7 a 12. Os argentinos reagiram e na reta final encostaram no placar: 20 a 22. Entretanto, Luan e Isac foram implacáveis ​​e levaram o jogo para o tie-break: 21 a 25. 

Depois de um início equilibrado de ponto para ponto, com Palonsky e Osoria de um lado e com Isac e Luan contra-atacando, o Sada/Cruzeiro acabou errando nos ataques e o placar foi para 9 a 6. Essa diferença foi importante para o Ciudad Voley segurar a ponta do placar: 13 a 9 e fechar o duelo com bloqueio de Felipe Benavídez: 15 a 9. 

Equipes:

Ciudad Vóley: Ignacio Roberts, Luciano Palonsky; Livan Osoria, Fabián Flores; Felipe Benavídez, Ignacio Luengas e Damián Zalcman (líbero)
entraram: Gustavo Vaca Álvarez, Juan Pablo Thomas, Luciano Coto e Tobias Scarpa.
técnico: Hernán Ferraro

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro; Le Roux, Isac; Rodriguinho, Filipe e Serginho (líbero)
entraram: Sandro, Robert, Leozinho e Luan
técnico: Marcelo Méndez

foto: Bolívar/Divulgação

Comentários