(Copa Brasil) EMS Taubaté/Funvic e Vôlei Renata jogam por vaga na semi

Nesta quinta-feira, às 20h, EMS Taubaté/Funvic e Vôlei Renata se enfrentam no ginásio Abaeté, pela primeira rodada da Copa Brasil. O duelo coloca frente à frente o quarto e quinto colocados do primeiro turno da Superliga 2018/2019, e por ter melhor campanha, a equipe do Vale do Paraíba ficou com a vantagem de disputar o jogo em seus domínios. 

A EMS Taubaté/Funvic teve altos e baixos no ano passado, porém conquistou o Campeonato Paulista e permanece firma no G-4 da Superliga. O técnico Daniel Castellani tem um grupo bem forte nas mãos, porém o grande desafio é colocar todos em condições para os momentos decisivos da temporada. Vale destacar o retorno de Lucarelli, que ficou de fora do Campeonato Mundial pela Seleção Brasileira para se recuperar de uma lesão e parece agora estar 100%. 

“Os jogos da Copa Brasil são especiais por essa questão do mata-mata, da decisão a cada jogo. Entraremos em quadra com o apoio da nossa torcida, e com certeza isso vai fazer a diferença (...) Esses dias de descanso foram muito bons, pois vínhamos de uma sequência duríssima de jogos e viagens. Voltamos no começo do ano e os treinos tem sido bons e estamos motivados. O Vôlei Renata tem feito jogos muito disputados com a gente, e com certeza esse será mais um duelo equilibrado”, disse o ponteiro Lucarelli. 

“Jogo muito importante e difícil. O Vôlei Renata tem um time que joga muito bem e tem uma mistura de experiência com juventude, que vem dando muito certo e eles têm demonstrado isso ao longo da temporada. Nós contamos com o apoio da nossa torcida, após termos conquistado esse direito, e vamos aproveitar esse fator casa ao máximo para conseguir a classificação para a Copa Brasil, que é um dos nossos objetivos do ano”, afirmou o levantador Rapha. 

Pelo lado do Vôlei Renata, a classificação para a Copa Brasil na quinta posição mostrou que o time está em ascensão, ainda mais com uma campanha de seis vitórias e cinco derrotas. O time campineiro entrou em quadra pela última vez em 22 de dezembro na vitória sobre o UM Itapetininga, por 3 a 0, no ginásio do Taquaral, e após a pausa para as festas de final de ano, os trabalhos seguiram intensamente visando o duelo desta noite. 

“Terminamos o turno da Superliga em quinto e eles em quarto, então dá pra esperar um jogo igual, decidido no detalhe. Taubaté é um adversário qualificado, com diversos jogadores de seleção. Nos enfrentamos algumas vezes nesta temporada e conseguimos bons resultados, com dois 3 a 0, mas ficou no passado. Essa semana temos que aproveitar para estudar bem o adversário e focar no nosso crescimento”, comentou o capitão Vini. 

“Para nós, todos os jogos são decisivos, valendo classificação ou não. Nosso time precisa jogar 100% sempre para buscar a vitória e entraremos em quadra para fazer isso. Vamos para lá deixar tudo na quadra para tentar a classificação (...) O trabalho é o maior capital que temos aqui no time e vamos tentar usar isso a nosso favor. Todos trabalharam muito bem nestas duas últimas semanas, então entraremos animados para este duelo fora de casa pela forma que as coisas foram feitas nos treinamentos. Sabemos que não será fácil, mas temos a capacidade de buscar a classificação”, comentou o técnico Horácio Dileo. 

Foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté/Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações