(Superliga) Vôlei Renata supera UM Itapetininga e termina o ano com vitória

Pela 11ª rodada da Superliga 2018/2019, o Vôlei Renata derrotou o Vôlei UM Itapetininga por 3 sets a 0, parciais de 25/20; 25/21 e 25/20, no ginásio do Taquaral. Com o resultado, o time de Campinas alcançou a 5ª colocação, com 17 pontos, enquanto os comandados de Fabiano Magoo pararam nos 15 pontos e caíram para a 7ª posição da tabela. 

O Vôlei Renata contou com a força de seu bloqueio para levar o primeiro set. Os campineiros enfrentaram dificuldades para encaixar o jogo no começo da parcial e viram os visitantes largarem na frente (14 a 10). Aos poucos, o time da casa acertou o sistema defensivo e após dois bloqueios de Michel deixou tudo igual (16 a 16). Empurrados pela torcida, os comandados do técnico Horácio Dileo seguiram gerando contra-ataques e ampliando o marcador. Em bola rápida de Vaccari, o time campineiro fizeram 25 a 20. 

Assim como na parcial anterior, o Vôlei Renata contou com o bom desempenho do bloqueio. Na primeira bola no segundo set, Vini fechou a porta do ataque adversário. O paredão campineiro seguiu funcionando, amortecendo bolas e proporcionando oportunidades de contra-ataque. Com a distribuição de González, os donos da casa concretizaram as chances e abriram larga vantagem (15 a 11). A equipe visitante ainda tentou reagir, mas após ace de Vaccari a diferença se manteve(17 a 14). Com firmeza na virada de bola, os comandados do técnico Horácio Dileo não tiveram problemas para fazer 25 a 21. 

O Vôlei Renata começou dominante no terceiro set e obrigou o adversário a pedir tempo logo no início após bloqueio de Michel (7 a 5). A vantagem serviu para dar tranquilidade ao donos da casa, que seguiram ampliando em ataques de Dani. Os visitantes chegaram a encostar no placar (16 a 16). Em passagem de Vaccari pelo serviço, no entanto, os campineiros conseguiram encurralar o adversário e logo passaram na frente (20 a 16). Novamente na frente, os donos da Taquaral fizeram 25 a 20 em ataque de Temponi. 

“Foi um jogo muito duro, como esperávamos, mas conseguimos concretizar aquilo que trabalhamos durante a semana. Tivemos um bom desempenho do bloqueio e construímos a vitória focando ponto a ponto”, comentou o treinador Horácio Dileo. 

As duas equipes voltam a quadra apenas em 2019. O Vôlei Renata encara o São Judas Voleibol no dia 13 de janeiro, às 18h, no ginásio Baetão, enquanto o Vôlei UM Itapetininga pega o Sada/Cruzeiro, no um dia antes, às 20h30min, no ginásio do Riacho, em Contagem. 

Equipes:

Vôlei Renata: González, Dani, Temponi, Vaccari, Vini, Michel e Lukinha (líbero)
entraram: Bello, Renan e Tavares.
técnico: Horácio Dileo

Vôlei UM Itapetininga: Rodriguinho, Sanchez, Wennder, Jarman, Mineiro, Ademar e Filipe (lìbero)
entraram: Victor Birigui, Emina, Judson, Pedro e Daniel
técnico: Fabiano Magoo

foto: Marcos Ribolli/Vôlei Renata

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19