(Superliga) Na busca pelo G-4, Vôlei Renata encara o Vôlei Ribeirão

Pela 7ª rodada da Superliga 2018/2019, o Vôlei Renata encara o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão, neste sábado, às 18h, no ginásio Taquaral. Na 7ª colocação, com nove pontos, o time de Campinas busca a vitória para se reaproximar do G-4, enquanto os comandados de Marcos Pacheco, hoje na 9ª posição, com seis pontos, querem vencer para ingressar na zona de classificação para os playoffs. 

Apesar de ter tropeçado na última rodada, os comandados do técnico Horácio Dileo venceram três dos últimos quatro jogos dentro de casa na Superliga. O bom aproveitamento com o apoio do torcedor faz todos do Vôlei Renata acreditarem em uma nova vitória. A chegada de João Paulo Tavares é um acréscimo de experiência no elenco e também garante uma maior qualidade no passe, pelo menos até a recuperação de Bruno Canuto. 

“Ribeirão é um time forte e que vem pra cá embalado por duas vitórias seguidas. Precisamos ter cabeça boa para encarar mais esse desafio. Vamos estar ao lado de nossa torcida, uma arma importante em meio ao equilíbrio da Superliga e que tem feito a diferença (...) Em um torneio como a Superliga, é importante buscar a recuperação o mais rápido possível para readquirir a confiança. Sabemos que vamos precisar de paciência, pois enfrentaremos muitas dificuldades durante o confronto, mas nos preparamos bem para tentar reencontrar o caminho dos triunfos”, comentou o central Vini. 

Pelo lado do São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão a intenção é buscar a terceira vitória consecutiva. Após um inicio de Superliga titubeante, os comandados de Marcos Pacheco se encontraram em quadra e fizeram bons jogos, com destaque para a última vitória contra o Corinthians-Guarulhos, em um duelo duríssimo, que só terminou no tie-break. 

“O Campinas é uma equipe bem estruturada, de bons jogadores e com tradição na Superliga. Porém, trabalhamos bem durante a semana e estamos preparados. Temos condições de fazer um bom jogo e conquistar um bom resultado (...) Tenho repetido isso e, se analisarmos os confrontos ocorridos até essa sexta rodada, vamos constatar que a Superliga é uma competição muito acirrada, muito competitiva e muito equilibrada. Não será diferente em Campinas. Temos que dar o máximo em quadra", afirmou o técnico Marcos Pacheco. 

“A gente sabe do potencial do nosso adversário, mas fizemos uma boa semana de trabalho. Nosso time está focado e vamos nos empenhar em conquistar essa terceira vitória”, completou o levantador Luisinho, 

Equipes:

Vôlei Renata: Demián Gonzalez, Dani, Luizinho, Michel, Vaccari, Temponi e Lukinha (líbero)
técnico: Horacio Dileo

São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão: Luisinho, Alisson Melo, Gabriel, Ricardo Jr., Petrus, Brunão e Fabio Paes (líbero)
técnico: Marcos Pacheco

Foto: Vôlei Renata/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio