(Superliga) EMS Taubaté/Funvic supera Vôlei Ribeirão e segue perto dos líderes

O EMS Taubaté/Funvic derrotou o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão por 3 sets a 0, parciais de 25/18, 25/21 e 25/17, na Cava do Bosque, no encerramento da 10ª rodada da Superliga 2018/2019. Com o resultado, a equipe do Vale do Paraíba chegou aos 20 pontos e segue na 4ª colocação, enquanto o time comandado por Marcos Pacheco continua com dez pontos, ocupando agora a 10ª posição da tabela. 

Leandro Vissotto abriu o placar da partida para o EMS Taubaté/Funvic e o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão marcou seu primeiro ponto no erro de saque do adversário. Com Gabriel, o time da casa assumiu o comando do marcador em 4 a 3. Taubaté retomou a dianteira e abriu dois em 8 a 6 e depois em 10 a 8. Quando o placar apontou 13 a 9, Pacheco pediu tempo. Taubaté abriu seis de vantagem em 17 a 11. Em boa passagem de Brunão pelo saque, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão reagiu e reduziu a diferença para 14 a 18. O primeiro set seguiu favorável ao time visitante, que venceu por 25 a 18. 

O segundo set começou com equilíbrio e as equipes empatando em 2 a 2. O São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão abriu dois de vantagem em fez 5 a 3. Com Douglas, o EMS Taubaté/Funvic chegou ao ponto de empate: 5 a 5. Com ponto de bloqueio, o time da casa abiu 9 a 6. Na largada de Gabriel, os donos da casa marcaram, 12 a 10. O São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão seguiu no comando do placar em 14 a 13 e, no erro, acabou cedendo o empate: 14 a 14. O EMS Taubaté Funvic, então, abriu dois (16 a 14). Com Vissotto, 19 a 16, e no bloqueio simples de Lucarelli, 20 a 16. Neste momento, Pacheco pediu tempo. O time visitante seguiu na dianteira em 23 a 19. E o EMS Taubaté Funvic fechou em 25 a 21. 

O time taubateano começou bem no terceiro set e abriu dois de vantagem em 4 a 2. Com Vissotto, o placar foi a 7 a 5. Com o oposto pontuando no saque, o EMS Taubaté/Funvic marcou 10 a 7. Em boa passagem de Lucão pelo saque, o time visitante chegou a 14 a 10. Renan, que havia acabado de entrar, pontuou duas vezes seguidas, o EMS Taubaté Funvic fez 16 a 11, forçando Pacheco a pedir tempo. A vantagem se manteve em cinco pontos em 20 a 15. O EMS Taubaté Funvic comandou o restante da parcial até fechar em 25 a 17. 

“Foi um jogo difícil. Enfrentamos um time que joga muito bem e uma torcida que apoia o tempo inteiro. Fico feliz pelos três pontos fora de casa. É um jogo que nos dá um norte e um parâmetro de melhoras que precisamos ter. Sabemos que temos muito o que evoluir ainda, mas o time está no caminho certo”, afirmou o levantador Rapha. 

“É uma sequência de jogos muito difícil e complicada. No jogo de hoje o time de Taubaté imprimiu um ritmo muito forte, com uma excelente marcação. É uma equipe que apresenta um grau de eficiência muito grande, com jogadores de qualidade. Para termos algo mais num jogo contra adversário deste nível, temos que ser fantásticos”, avaliou o técnico Marcos Pacheco. 

A EMS Taubaté/Funvic volta a quadra nesta quarta-feira, às 18h, contra o Vôlei UM Itapetininga, no ginásio Ayrton Senna, em jogo atrasado da 6ª rodada. Já o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão enfrenta o Sesc-RJ na próxima sexta-feira, às 17h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, pela última rodada do turno. 

Equipes:

São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão: Luisinho, Alisson, Brunão, Pétrus, Gabriel, Ricardo Jr. e Diego (líbero)
entraram: Fábio Paes, Alemão, Jotinha e Bairros
técnico: Marcos Pacheco

EMS Taubaté/Funvic: Raphael, Vissotto, Lucão, Robinho, Douglas, Lucarelli e Thales (líbero)
entraram: Fabiano, Abouba, Uriarte e Renan
técnico: Daniel Castellani

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações