(Superliga) Sesc-RJ vence Vôlei Renata e segue com 100% de aproveitamento

O Sesc-RJ venceu o Vôlei Renata por 3 sets a 1, parciais de 21/25; 26/24; 25/18 e 25/17, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, pela 4ª rodada da Superliga 2018/2019. Com o resultado, o time carioca manteve o 100% de aproveitamento e segue na vice-liderança, com 12 pontos em quatro jogos, enquanto a equipe de Campinas parou nos nove pontos e aparece no 5º lugar, após cinco partidas. 

No primeiro set, o Campinas começou impondo um ritmo forte. Uma sequência de erros do Sesc-RJ ajudou os visitantes a largarem na frente no placar. Em um erro de recepção do levantador Thiaguinho, o time paulista alcançou o set point e quase fechou o set. Wallace retardou o fim da primeira fase da partida ao marcar o 21º ponto, mas após mais um erro de ataque da equipe carioca, o time visitante fechou em 21 a 25. 

O início do segundo set não foi diferente. O Campinas seguiu impondo pressão nos saques e ficou à frente do placar até o 12º ponto, quando o Sesc-RJ conseguiu neutralizar algumas jogadas, o que ajudou os donos da casa a controlarem melhor a partida. Disputada até o fim, o Sesc-RJ deixou tudo igual no placar ao vencer o segundo set com parciais de 26 a 24. 

Na volta para a terceira parcial, a equipe carioca começou a ditar o ritmo do jogo. Muito melhor em quadra, o Sesc-RJ abriu uma ampla vantagem no placar durante todo o set. O time do Campinas sofreu com os erros de recepção e bloqueio, e acabou perdendo o terceiro set para os donos da casa por 25 a 18. No quarto set, o time comandado pelo técnico Giovane Gávio aproveitou o embalo e decidiu a partida com nove pontos de diferença no placar: parcial de 25 a 17. 

“Nosso time é forte, com atletas prontos na equipe titular e no banco. O grupo é a nossa força maior. O time de Campinas vem jogando muito bem, com um saque muito forte e um sistema de jogo pronto. Nós chegamos muito ansiosos, depois que a equipe acalmou um pouco e entendeu o jogo, conseguimos nos concentrar e alcançar a vitória”, declarou o levantador Everaldo, eleito o melhor em quadra. 

“A gente jogou bem os dois primeiro sets, depois perdemos a intensidade. Eles tiveram a possibilidade de trocar jogadores, confundiram nossa marcação e acabaram tirando proveito em cima disso, vencendo com muitos méritos. Agora é aprender com essa derrota, corrigir os erros e focar na preparação, pois temos mais um duelo complicado pela frente”, comentou o técnico Horácio Dileo. 

Na próxima quarta-feira, às 20h, o Sesc-RJ encara o São Judas Voleibol, no ginásio do Baetão, em São Bernardo do Campo. Já o Vôlei Renata volta a quadra na quinta-feira, às 19h, contra o Sesi-SP, no ginásio Taquaral, em Campinas. 

Equipes:

Sesc-RJ: Thiaguinho, Wallace, Maurício Souza, Leandro Aracaju, Djalma, Japa e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Everaldo, Alexandre Elias, Tiago Barth, Filipe Ramme e PV
técnico: Giovane Gávio

Vôlei Renata: Demián Gonzalez, Daniel, Michel, Luizinho, Bruno Temponi, Renan e Lukinha (líbero)
entraram: Matheus Bonora, Vini e Andre Luiz
técnico: Horácio Dileo

foto: Luciano Belford

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio