(Superliga) Sesc-RJ derrota Caramuru Vôlei e segue com 100%

Pela segunda rodada da Superliga 2018/2019, o Sesc-RJ venceu o Copel Telecom/Maringá por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/19 e 25/23, no ginásio do Tijuca Tênis Clube. Um dos destaques da partida foi o oposto Wallace, que fez sua estreia com a camisa do clube carioca, e acabou levando o premio de melhor jogador em quadra. Essa foi a segunda vitória dos comandados de Giovane Gavio, que seguem com 100% de aproveitamento. 

Léozão abriu o placar da partida para o Caramuru Vôlei. Leandro Aracaju respondeu para o Sesi-SP. O time visitante reassumiu o comando do marcador em 7 a 6 na bola de Matheus. O Sesc-RJ voltou a ter o comando do set em 11 a 10. Com Wallace, que estreava no time carioca, o placar foi a 13 a 12. O jogo seguiu equilibrado, com um de vantagem para o time paranaense (17 a 16). Os donos da casa viraram em 19 a 18 e Fábio Sampaio pediu tempo. A partir daí, o Sesc-RJ abriu vantagem, fazendo 23 a 19. E o Sesc-RJ fechou o primeiro set em 25 a 20. 

A segunda parcial começou com o mesmo equilíbrio da primeira, com o empate em 3 a 3. No bloqueio de Maurício Souza, o time da casa fez 4 a 3. A partir deste momento, o Sesc-RJ abriu boa vantagem em 9 a 5. O Caramuru Vôlei reagiu e encostou em 8 a 9. No ace de Wallace, a equipe carioca voltou a abrir vantagem, dessa vez três pontos, em 18 a 15. Japa bloqueou e levou seu time a 21 a 17. E Wallace fechou o set em 25 a 19. 

Djalma abriu o terceiro set com ace. A parcial esteve empatada em 6 a 6. O Sesc RJ abriu dois em 9 a 7. O Caramuru Vôlei buscou, empatou em 11 a 11 e virou o jogo em 12 a 11. A parcial seguiu disputada com equilíbrio, como novo empate em 16 a 16. Na sequência, o time paranaense abriu no placar e, com Matheus no contra-ataque, marcou 18 a 16. Mas, o Sesc RJ não permitiu que o adversário ampliasse a vantagem e, em boa passagem de Djalma pelo saque, virou em 19 a 18. Ainda com o ponteiro no serviço, a equipe carioca chegou a 20 a 18. A reta final do set ganhou emoção no empate em 22 a 22. Com bloqueio de Maurício Souza, o Sesc RJ fechou em 25 a 23. 

“Tem sempre um friozionho na barriga, time novo, casa nova, mas sabemos que temos muito o que melhorar ainda. Foi meu primeiro jogo com o Thiaguinho (levantador do Sesc RJ), então tem bastante coisa a aprimorar, o que é natural. Jogar aqui vai ser bem legal, é um baita projeto, então, acredito que temos tudo para fazer uma grande temporada pela frente”, comentou o oposto Wallace, que agradeceu o elogio do técnico Giovane Gavio. 

“O Giovane é o cara. Um bicampeão olímpico e não tenho nem palavras para falar sobre ele. Saiu há pouco tempo das quadras e entende bastante o nosso lado dos jogadores e tenho certeza que essa vai ser uma temporada bastante produtiva”, complementou o jogador do Sesc-RJ. 

“Acredito que tenha faltado um pouco mais de lucidez nas nossas decisões. Conseguimos jogar de igual para igual até o 18º ponto e depois desandou. Nosso saque não funcionou mais como devia, e a nossa equipe ainda tem que amadurecer nessa questão da tomada de decisão (...) Estamos fazemos encolhas erradas e temos que minimizar ao máximo a quantidade de erros, quanto mais contra uma equipe que é favorita ao título como o Sesc-RJ. Isso é um processo longo, mas temos muita Superliga pela frente”, comentou o levantador Índio. 

O Sesc-RJ volta à quadra na próxima sexta-feira, dia 9, às 21h30min, quando enfrentará o Corinthians-Guarulhos, no ginásio da Ponte Grande. Já o Caramuru Vôlei jogará no sábado, dia 10, às 20h, contra o Sesi-SP, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa. 

Equipes:

Sesc-RJ: Thiaguinho, Wallace, Maurício Souza, Leandro Aracaju, Djalma, Japa e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Everaldo, PV e Rammé
técnico: Giovane Gávio

Caramuru Vôlei: Gustavo, Léozão, Matheus, Pedrão, Jonatas, Peron e Gian (líbero)
entraram: Thales e Bruno
técnico: Fábio Sampaio

foto: Erbs Jr/Sesc RJ

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio