(Superliga) Antes do Mundial de Clubes, Sada/Cruzeiro bate Caramuru Vôlei

No jogo de despedida antes do Mundial de Clubes, o Sada/Cruzeiro derrotou o Caramuru Vôlei por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/18 e 25/20, no ginásio do Riacho, em Contagem, pela 4ª rodada da Superliga 2018/2019. Com o resultado, a equipe mineira chegou aos 14 pontos (após seis jogos) e permanece na liderança da competição, enquanto os paranaenses continuam tendo apenas um ponto e agora aparecem no 11º lugar (após quatro partidas). 

A partida iniciou com um ace de Le Roux e em novo ace, desta vez de Sander, o Sada/Cruzeiro tinha 5 a 2 no placar. Essa vantagem foi bem administrada pelos donos da casa, que tinha bom rendimento do ataque e no bloqueio, mesmo errando muitos saques: 12 a 6. O Caramuru Vôlei tentava reagir, com destaque para o oposto Leozão, porém o volume de jogo celeste era muito intenso: 17 a 12. No final, os mineiros seguraram o ímpeto do adversário e no ataque de Isac fecharam em 25 a 20. 

O segundo set começou com ponto novamente do francês Le Roux, só que desta vez os paranaenses equilibraram as ações e não deixaram o placar fugir: 6 a 6. Entretanto, após dois bloqueios de Evandro e um ace de Sander, o Sada/Cruzeiro colocou 14 a 9 e a partir daí foi administrando o resultado. Com dois bloqueios seguidos de Le Roux, os mineiros fizeram 19 a 13. E no final, com grande atuação do francês e erro do levantador Gustavo, os mineiros fecharam em 25 a 18. 

Diferente das parciais anteriores, quem saiu na frente no terceiro set foi o Caramuru Vôlei, com Jonatas, mas os mineiros não deixaram o adversário gostar do jogo e logo estavam na frente, novamente com Le Roux: 6 a 5. Leozão era referência no ataque dos paranaenses e tentava equilibrar o jogo, porém Isac, Le Roux e Evandro estavam inspiradíssimos e ajudaram o Sada/Cruzeiro a abrir 16 a 13. Mesmo forçando o saque e buscando a reação, os paranaenses tinham dificuldades no side-out, enquanto os comandados de Marcelo Mendes foram abrindo vantagem até fecharem em 25 a 20 no erro de saque de Ale Toro. 

“Fizemos um bom jogo, e, independentemente do adversário, acho que conseguimos ajustar algumas coisas, o nosso saque, o nosso ataque, coisas importantes para o que vem pela frente, e que também nos dão mais confiança para o Mundial. Agora é focar tudo na preparação para o Mundial de Clubes e nos preparar bem nestes últimos dias em Belo Horizonte, pois teremos uma competição muito difícil”, afirmou o técnico Marcelo Mendez. 

Devido ao Mundial de Clubes, que começa no dia 26, o Sada/Cruzeiro só retorna para a Superliga no dia 8 de dezembro, quando encara o Fiat/Minas, na Arena, em Belo Horizonte. Já o Caramuru Vôlei enfrenta no próximo dia 21, às 20h30min, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa. 

Equipes:

Sada/Cruzeiro:
Fernando Cachopa, Evandro, Sander, Rodriguinho, Isac, Le Roux e Serginho (líbero)
entraram: Sandro, Luan e Filipe
técnico: Marcelo Mendez

Caramuru Vôlei: Índio, Leozão, Thales, Matheus, Jonatas, Peron e Gian (líbero)
entraram: Pedrão, Gustavo e Ale Toro
técnico: Fábio Sampaio

foto: Agênciai7

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio