(Superliga) Vôlei Renata e Sada/Cruzeiro fazem jogo de abertura no Taquaral

O confronto entre Vôlei Renata e Sada/Cruzeiro abre a Superliga 2018/2019, nesta quarta-feira, às 19h30min, no ginásio do Taquaral. A partida será antecipada da sexta rodada, já que o time cruzeirense terá compromissos pelo Campeonato Mundial de Clubes, entre os dias 26 de novembro e 2 de dezembro, na Polônia. O duelo de abertura da edição de 25 anos da competição terá transmissão do SporTV 2. 

Para tentar surpreender o atual campeão da Superliga, o Vôlei Renata aposta no bom aproveitamento jogando no Taquaral. Nesta temporada, o time campineiro realizou sete jogos dentro de casa e venceu cinco, contando com o apoio do torcedor e com alguns atletas que vem se destacando, casos do líbero Lukinha, do ponteiro Gabriel Vaccari e do levantador Demian Gonzalez. 

“Estamos bem para a estreia. Fizemos um Paulista muito bom, embora alguns problemas de contusão. Nosso elenco é bem homogêneo, com atletas experientes e jovens e estamos começando essa Superliga Cimed no mesmo ritmo do Paulista. Nosso time tem muito volume de jogo e é justamente essa a nossa aposta: conseguir enfrentar os adversários com o nosso volume de jogo, que é essencial para nosso grupo”, complementou Lukinha. 

“Fizemos um Paulista muito bom. A equipe time se superou na adversidade, soube superar desfalques, problemas, se reconstruiu e embalamos uma sequência de vitórias. É claro que temos coisas para corrigir, especialmente no ataque, e temos muito a crescer”, comentou o técnico Horácio Dileo, que teve um período de duas semanas para se preparar para a estreia da Superliga. 

No lado do Sada/Cruzeiro, mesmo com o Mundial de Clube batendo na porta, o foco está voltado para este inicio de Superliga. Após a conquista do Campeonato Mineiro, os comandados de Marcelo Mendez perderam para o Sesi-SP na decisão da Supercopa, no último sábado, nada que altere a motivação e a vontade de todo o elenco de conquistar mais um título nacional. 

“Nossa estreia vai ser contra um bom time, que costuma fazer jogos duros principalmente em casa. Estamos em fase de readaptação e preparação do conjunto da equipe. Quatro atletas considerados ´titulares´ chegaram há menos de duas semanas e a aposta na juventude nos coloca em outro patamar nesse início de competição”, detalhou o líbero Serginho, que destacou a importância de um resultado positivo na partida de estreia do campeonato. 

“Vitória é sempre importante e será mais fácil engrenar vencendo do que perdendo. Importante estar claro na nossa cabeça quem somos e quais são os nossos objetivos”, concluiu Serginho. 

“É incrível o que fizemos na Superliga nos últimos anos, e mais uma vez vamos entrar para buscar o título. A Superliga é um torneio muito difícil, com várias equipes candidatas ao título, times que se reforçaram muito e vamos fazer o nosso trabalho. Nesta temporada temos um grupo diferente, reformulado, ainda faltam alguns ajustes, mas nosso objetivo é sempre fazer o nosso melhor, o nosso máximo, em todo campeonato que a gente disputar (...) Vai ser um jogo difícil e temos que jogar muito bem para ganhar. É um time que fez um excelente Campeonato Paulista, sabe jogar muito bem no meio, com os centrais, e vamos ter que trabalhar muito bem para ganhar da equipe de Campinas”, destacou Marcelo Mendez. 

Equipes:

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Filipe, Rodriguinho, Le Roux, Isac e Serginho (líbero)
técnico: Marcelo Mendez

Vôlei Renata:
Demian Gonzalez, Felipe Bandero, Vaccari, Bruno Temponi, Luizinho, Vini e Lukinha (líbero)
técnico: Horacio Dileo

foto: Vôlei Renata/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio