(Superliga) No Paraná, EMS Taubaté/Funvic vence Caramuru Vôlei

No encerramento da rodada inaugural da Superliga 2018/2019, o EMS Taubaté/Funvic derrotou o Caramuru Vôlei por 3 sets a 0, parciais de 25/16, 25/19 e 25/20, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa. No duelo entre os campeões paranaense e paulista, o destaque ficou para o central Lucão, que anotou 14 pontos, sendo dez de ataque, um de saque e três de bloqueio. 

O primeiro set começou equilibrado, mas logo a EMS Taubaté/Funvic passou a ter maior efetividade no saque e no bloqueio e abriu boa vantagem no placar: 2 a 6. Com melhor volume de jogo, os taubateanos mantiveram a vantagem e no bloqueio de Uriarte o placar era de 7 a 12. Essa vantagem foi aumentando e com destaque para Leandro Vissotto colocar 10 a 17 no placar, sendo que no final, após erro de Alex no saque, o EMS Taubaté/Funvic fechou em 16 a 25. 

O segundo set iniciou com os visitantes abrindo logo 0 a 3, com bloqueio de Douglas Souza. A superioridade do time paulista ficou evidente com os ataques de Lucão e após mais um bloqueio de Uriarte, o placar era de 5 a 10. O Caramuru Vôlei buscava a recuperação, mas tinha dificuldades no passe, além de tentar forçar o saque e acabar errando. No final, após a vantagem dos paulistas foi crescendo e terminou com vitória por 19 a 25 após erro de saque de Leozão. 

No terceiro set, o técnico Daniel Castellani fez algumas alterações na equipe, colocando em quadra o levantador Rapha, o ponteiro Facundo Conte e o oposto Abouba. Essas mudanças fizeram a partida ficar mais equilibrada, ainda mais que o oposto Leozão chamou a responsabilidade e acabou sendo o maior pontuador do Caramuru Vôlei (12 pontos). Após muitos placares iguais: 14 a 14, o bloqueio de Abouba e os ataques de Robinho e Conte fizeram a diferença para abrir vantagem: 14 a 17. No final, os paranaenses encostaram com ataque de Bruno: 20 a 22, porém no bloqueio de Uriarte, os paulistas fecharam em 20 a 25. 

“Foi um bom jogo, onde conseguimos controlar o jogo inteiro. A equipe toda fez uma boa partida, muito equilibrada, principalmente nos dois primeiros sets, quando conseguimos eliminar o time deles na parte defensiva, no bloqueio e contra-ataque e essa foi a tônica do jogo. Nosso bloqueio funcionou muito bem. Conseguimos neutralizar o ataque deles e fizemos uma partida bastante regular”, declarou o central Lucão. 

“Sempre é muito bom começar uma Superliga com uma boa vitória, ainda mais sendo fora de casa. Acho que a equipe se portou muito bem em casa, jogamos muito bem, especialmente nos dois primeiros sets, com uma postura bem agressiva, os placares desses sets mostram bem isso. No terceiro set nos acomodamos um pouco, começamos com um jogo mais morno, mas logo nos encontramos e acertamos o sistema de saque e defesa. Foi uma boa vitória, e agora é descansar e já colocar a cabeça no confronto de quinta-feira contra o Corinthians.”, comentou o ponteiro Lucarelli.

“Sabíamos da dificuldade e tínhamos a obrigação de dar o nosso melhor. Agora, temos que virar a chave e focar na preparação e na correção dos erros, pensando no próximo jogo (...) O objetivo permanece: é uma equipe que vai buscar sua classificação e garantir a participação nos playoffs”, declarou o técnico Fábio Sampaio.

“Treinamos durante a semana, o esquema tático e técnico voltado para esse jogo e a equipe adversária fez tudo o que foi treinado (...) Não oferecemos tanta resistência, a não ser no terceiro set quando pudemos mostrar a força dos nossos fundamentos como bloqueio e defesa”, lamentou o levantador Índio. 

A EMS Taubaté/Funvic volta à quadra na próxima quinta-feira, dia 1º, às 20h, quando recebe o Corinthians-Guarulhos, no ginásio do Abaeté. Já o Caramuru Vôlei enfrenta o Sesc-RJ, no sábado, dia 3, às 21h30min, no ginásio do Tijuca Tênis Clube. 

Equipes:

Caramuru Vôlei: Gustavo, Leozão, Jonatas, Peron, Matheus, Pedrão e Gian (líbero)
entraram: Alex, Índio, Bruno Araujo e Thales
técnico: Fábio Sampaio

EMS Taubaté/Funvic: Uriarte, Leandro Vissotto, Lucarelli, Douglas Souza, Robinho, Lucão e Thales (líbero)
entraram: Luis Fernando, Abouba, Rapha e Facundo Conte
técnico: Daniel Castellani

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio