(Paulista) Vôlei Ribeirão e Corinthians-Guarulhos decidem vaga na semi

Neste sábado, às 16h, São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão e Corinthians-Guarulhos se enfrentam na Cava do Bosque, no segundo jogo das quartas de final do Campeonato Paulista – Divisão Especial. Por ter vencido o primeiro duelo, na Ponte Grande, o Timão joga por uma vitória para ir as semifinais, enquanto os comandados de Marcos Pacheco precisam ganhar para forçar um Golden Set. A partida terá transmissão do Globoesporte.com 

O São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão precisa vencer para empatar a série e provocar o Golden Set, que será disputado logo após o termino desta segunda partida. No primeiro confronto, realizado na última terça-feira, em Guarulhos, o Corinthians-Guarulhos venceu por 3 sets a 2, em um jogo muito disputado e equilibrado, onde qualquer equipe poderia sair com a vitória. 

“O jogo mostrou bem esse equilíbrio. O posicionamento das duas equipes na fase classificatória já demonstrava isso (Ribeirão ficou em 4º e o Corinthians em 5º). Eles tiveram as virtudes deles no primeiro jogo. Nós também tivemos aspectos positivos. Mas agora, em casa, é fundamental o apoio da nossa torcida. Estamos trabalhando para melhorar em alguns pontos que entendemos ser importantes. Acredito mais uma vez em outro jogo de grande disputa. Mas temos condições de vencer e nosso objetivo é chegar às semifinais”, salientou o técnico Marcos Pacheco, que segue sem contar com o o central Brunão e o oposto Alemão (ambos lesionados). 

“A equipe do Corinthians é muito experiente, mas nosso time está bem preparado e concentrado. Temos jogadores experientes do lado de cá, também, e vamos fazer um grande jogo. Contamos com nossa torcida, que vai lotar a Cava do Bosque. Tenho certeza”, disse o levantador Jotinha. 

Pelo lado do Corinthians-Guarulhos, o objetivo é tentar não oscilar tanto quando ocorreu no ginásio Ponte Grande. O técnico Gerson Amorim conta com um time experiente, com destaque para Serginho, Sidão, Rivaldo, Riad e Marcelinho, porém todos destacam a qualidade do adversário e o cuidado que se deve ter, principalmente, atuando na Cava do Bosque. 

“O que aconteceu na Ponte Grande foi que eles não desistiram, mesmo atrás no placar. E lá não será um jogo tranquilo, muito pelo contrário. A gente conhece o time deles. Tem jogadores de alto nível, acostumados com jogos decisivos”, afirmou o central Sidão. 

foto: Renan Bin/FollowX Comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio