Na abertura da temporada, Sesi-SP comemora o sétimo título da Copa São Paulo

Na última segunda-feira, no ginásio do Clube Pirassununga, o Sesi-SP superou o Vôlei Renata por 3 sets a 1, parciais de 25/19, 25/21, 23/25 e 25/20, e conquistou pela sétima vez a Copa São Paulo. O torneio, que ainda contou com São José Vôlei e Vôlei Ribeirão, serviu como preparação para o Campeonato Paulista, que inicia no próximo dia 10. 

“É a primeira competição do ano, nós tivemos poucas semanas de treinamento, obviamente que as coisas ainda não estão ajustadas, nem para gente, nem para o adversário, é o começo do trabalho. Mas para começar, é legal que já seja com a vitória, é legal começar vendo algumas coisas que foram trabalhadas acontecendo, e é importante demais ter esse grupo jogando, porque assim fortalecemos todos para a temporada. Eles exerceram o papel de protagonistas, que não é fácil. Tivemos altos e baixos, como já imaginávamos, mas conseguimos controlar e sair com essa importante vitória”, analisou o técnico Rubinho.

“Uma das nossas armas é construir o jogo em cima do saque. Infelizmente não conseguimos encaixar boas sequências e deixamos eles à vontade na virada de bola. Não foi a noite que esperávamos, mas é apenas o início do trabalho. Somos uma equipe nova, estamos nos conhecendo e no tempo de evoluir. Estamos no caminho certo”, comentou o líbero Lukinha. 

Nas semifinais, o Sesi-SP, que não contou com William, Alan, Eder, Lipe e Lucas Lóh (todos servindo a seleção brasileira), derrotou o São José dos Campos por 3 sets a 1, parciais de 25/19, 24/26, 25/21 e 25/18. Já o Vôlei Renata superou o Vôlei Ribeirão por 3 sets a 0, parciais de 25/18; 25/17 e 25/21. 

foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio