(Superliga) Vôlei Renata e Sesc-RJ fazem segundo jogo nesta quarta-feira

Vôlei Renata e Sesc-RJ se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h30min, no ginásio do Taquaral, pelo segundo jogo da série melhor de três das quartas de final da Superliga 2017/2018. Como venceu o primeiro duelo, no Rio de Janeiro, os cariocas jogam por uma vitória para ingressar nas semifinais, enquanto o time de Campinas precisa ganhar para forçar um terceiro confronto. A partida terá transmissão do SporTV 2. 

No primeiro jogo, realizado na Jeunesse Arena, o Sesc-RJ venceu por 3 sets a 1 e agora o Vôlei Renata precisa de qualquer maneira vencer dentro do Taquaral. Pensando nisso, o discurso é de jogar não apenas com qualidade técnica, mas também com o coração e o apoio do torcedor de Campinas. Com o oposto Leandro Vissotto em grande momento (maior pontuador da competição), a expectativa é de um aproveitamento maior do atacante. 

“Agora é no coração, não tem jeito. Sabemos que enfrentaremos um grande adversário, como devemos atuar, mas é a hora de deixar um pouco a mais em quadra. A técnica tem que ser superada pela vontade, pela vibração a cada bola. Precisamos vencer de qualquer jeito. Por todo trabalho que fizemos durante a temporada, merecemos seguir na Superliga”, comentou o levantador Rodriguinho., que apontou o caminho que o Vôlei Renata tem que seguir para buscar a vitória. 

“Temos que ter cabeça boa, especialmente no passe. Sabemos que eles vão forçar bastante o saque, então temos que controlar a recepção. Ela não precisa ser perfeita, só temos que colocar a bola pra cima, dentro da quadra, aí podemos trabalhar bem as bolas altas pelas extremidades. Temos atacantes capazes de nos fazer sair das situações adversas”, acrescentou o camisa 9. 

Pelo lado do Sesc-RJ, a vitória no Rio de Janeiro colocou a equipe bem próxima das semifinais, porém todos sabem que cada jogo será complicado e terá suas particularidades. Independente da vantagem na série, o técnico Giovane Gávio prega cautela e cuidados, principalmente com o saque adversário e com a pressão que time carioca terá desde o inicio da partida. 

“O fato de jogar em casa foi importante para eles no último jogo, mas agora estamos indo lá em um momento melhor, prontos para buscarmos essa classificação. Concentrados principalmente em segurar a pressão que irão impor no saque para fazer uma boa partida. O ambiente está bom, positivo, isso é importante para esses momentos decisivos. Não dá tempo de respirar, é preciso entrar com tudo, é o que vamos fazer”, declarou o técnico Giovane Gavio, lembrando a derrota em Campinas pela fase classificatória. 

Equipes:

Vôlei Renata: Rodriguinho, Leandro Vissotto, Diogo, Mão, Junior, Vini e Santucci (líbero)
técnico: Horácio Dileo

Sesc-RJ: Thiaguinho, PV, João Rafael, Maurício Borges, Maurício Souza, Thiago Barth e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Giovane Gávio

Foto: Marcos Ribolli/Vôlei Renata

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sem apoio e problemas de estrutura, Rádio Clube/AVP decide fechar as portas

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata