(Superliga) Sesi-SP e Corinthians-Guarulhos iniciam série neste domingo

Sesi-SP e Corinthians/Guarulhos duelam neste domingo, às 14h30min, no ginásio da Vila Leopoldina, no primeiro jogo da série melhor de três das quartas de final da Superliga 2017/2018. A equipe da capital paulista terminou a fase classificatória na 3ª posição com 49 pontos, somando 17 vitórias e cinco derrotas, enquanto o Timão foi o 6º colocado, com 33 pontos, fazendo 11 resultados positivos e 11 negativos. A partida terá transmissão do SporTV. 

Não vai faltar emoção neste confronto já que no duelo direto entre as equipes na competição foram duas vitórias para o Sesi-SP por 3 sets a 2. A comissão técnica e os jogadores do time paulistano sabem das dificuldades que encontrarão em quadra e querem fazer valer o fator casa neste início da série. O levantador William é um dos destaques da equipe, assim como o ponteiro Lipe. 

“Acredito que quando começam os playoffs o campeonato muda completamente de figura. Não se pode mais falhar, é tudo ou nada, por isso os jogos ficam mais agressivos e mais equilibrados. Conhecemos eles tanto quanto eles nos conhecem, e isso torna a série complicadíssima para as duas equipes, com muita tática envolvida. Vai ser emocionante com certeza”, explicou o ponteiro Lipe, que lembrou os duelos passados. 

“São exatamente esses fatores que torna o jogo mais perigoso para nós. O Corinthians é uma equipe extremamente competente, demonstrou isso durante toda a Superliga, e com certeza estão com o Sesi-SP engasgado. Os dois jogos da Superliga foram duríssimos, e não espero nada de diferente para as quartas de final. Eles querem quebrar essa série de derrotas contra nós, mas estamos preparados para não permitir e briga pela nossa classificação para as semifinais”, concluiu o camisa 12. 

Pelo lado do Corinthians-Guarulhos, o momento é de sacar muito bem e aproveitar a experiência de alguns jogadores do elenco, como o líbero Serginho, o oposto Rivaldo e os centrais Sidão e Luizinho, acostumados a encarar playoffs. Para o técnico Alexandre Stanzioni quem sacar melhor terá vantagem em quadra, porém será um duelo onde o vencer será aquele que errar menos e saber aproveitar as oportunidades. 

“Temos todo esse balizamento, de estarmos mal no começo, de não conseguir equilibrar a partida, depois conseguimos equilibrar, e tendo chances de vencer, com o controle de jogo, de jogar de igual para igual, mas que em alguns momentos nos faltou um entendimento para fechar um set, para uma virada de bola. E esse talvez seja o ponto de evolução da equipe. Às vezes você não consegue fazer tudo isso ao longo de uma temporada, imagina em dez meses estar disputando um playoff de Superliga, que sabemos da dificuldade que é em enfrentar equipes que já tem experiência nisso, mas é isso que estamos trabalhando nesse momento: temos os subsídios para evoluir. Basta saber também o quanto eles estão evoluindo e o quanto também nós conseguimos corrigir essas deficiências”, analisou o técnico Alexandre Stanzioni. 

“Muito do jogo do Sesi-SP é procurando não errar e isso acaba melhorando o ataque deles também. Com toda certeza é um jogo que encaixa, que será decidido novamente nos detalhes, como foram até aqui. Por isso, estamos buscando alternativas e soluções durante os treinamentos para que esses detalhes tenham uma vantagem para a nossa equipe. Sabemos que eles estão fazendo a mesma coisa e aí vai da competência das equipes colocarem isso em prática. Independentemente do placar, temos que estar focados do início ao fim para não deixar esses detalhes que tanto falamos, escaparem”, analisou o central Luizinho. 

Equipes:

Sesi-SP: William, Alan, Lucão, Gustavão, Douglas Souza, Lipe e Pureza (líbero)
técnico: Rubinho

Corinthians/Guarulhos: Rodrigo Ribeiro, Rivaldo, Luizinho, Sidão, Fábio, Mineiro e Felipe (líbero)
técnico: Alexandre Stanzioni

foto: Amanda Demétrio/Fiesp

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sem apoio e problemas de estrutura, Rádio Clube/AVP decide fechar as portas

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata