(Superliga) Fora de casa, Minas Tênis Clube derrota o Copel Telecom/Maringá

Jogando no ginásio Chico Neto, o Minas Tênis Clube não se intimidou e venceu o Copel Telecom/Maringá por 3 sets a 1, parciais de 25/22, 19/25, 20/25 e 16/25, pela 9ª rodada do returno da Superliga 2017/2018. Com o resultado, o time de Belo Horizonte permanece na 5ª colocação, agora com 39 pontos, enquanto a equipe paranaense segue na lanterna, com sete pontos ganhos. 

No primeiro set, o Copel Telecom/Maringá conseguiu um bom desempenho na recepção, mesmo com os potentes saques do oposto Felipe Roque. O bloqueio funcionou bem em alguns momentos, porém o Minas Tênis Clube era quem tinha a vantagem no placar. Os donos da casa ficaram atrás no marcador até a metade do set, quando se recuperou, virou e fechou a parcial em 25 a 22. 

No segundo set, o Minas Tênis Clube chegou a abrir dez pontos de vantagem, que depois foi diminuída com uma melhora no side-out dos donos da casa. Entretanto, o placar já estava bem distante e os comandados de Nery Tambeiro, com destaque para o bloqueio, fizeram 19 a 25. No terceiro set, O Minas Tênis Clube voltou a impor um ritmo de jogo mais intenso e venceu por 20 a 25. 

Com destaque para o ponteiro Bisset, que marcou 14 pontos entrando no segundo set e atuando como oposto, os visitantes mantiveram o mesmo ritmo. Os centrais Flávio e Petrus foram muito bem no bloqueio e ajudaram o Minas Tênis Clube a abrir vantagem. O Copel Telecom/Maringá errava demais e se aproveitando disso, os mineiros definiram o jogo com uma vitória de 16 a 25.

“Tivemos um comportamento muito bom da equipe, com exceção do primeiro set onde oscilamos no saque e no nosso passe. Agora no geral nós construímos a vitoria a partir do segundo set, com uma boa freqüência de saque, um side out contundente, com poucos erros e exercendo pressão sobre o Maringá, com uma diferença de quatro pontos o tempo inteiro. Jogamos muito concentrados, diminuindo muito nossos erros e aumentando a nossa confiança. Nosso objetivo está bem direcionado para os playoffs, mas é claro que queremos terminar essa fase classificatória com mais duas vitórias. Entretanto esse é um momento de preparação mental e preparação de um modo geral para os playoffs”, declarou o levantador Marlon. 

“Os nossos começos de segundo e terceiro sets não foram bons. Mas agora é trabalhar forte de novo para o próximo jogo. Precisamos da vitória e ela virá”, disse o técnico Alessandro Fadul, que ainda acredita na saída do rebaixamento enquanto o time tiver chances matemáticas. 

No próximo sábado, às 20h, o Minas Tênis Clube enfrenta o Ponta Grossa/Caramuru, na Arena Multiuso. No mesmo dia, às 19h, o Copel Telecom/Maringá pega o Montes Claros, no ginásio Tancredo Neves. 

Equipes:

Copel Telecom/Maringá: Ialisson, Alê, Wennder, Kaio, Ricardinho, Alisson Bastos e Daniel (líbero)
entraram: Bruno Araujo, Matheus, Matheus Costa, Johan, Gian e Bruno Godoy
técnico: Alessandro Fadul

Minas Tênis Clube: Marlon, Felipe Roque, Pétrus, Flávio, Honorato, Bob e Rogerinho (líbero)
entraram: Davy, Eduardo Carisio, Bisset, Thiago Vanole, Maique e Batista
técnico: Nery Tambeiro

foto: André Renato/Resenha Comunicação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio