(Superliga) EMS Taubaté/Funvic vence primeiro jogo contra o Minas Tênis Clube

A primeira rodada das quartas de final da Superliga 2017/2018 terminou com o EMS Taubaté/Funvic derrotando o Minas Tênis Clube por 3 sets a 0, parciais de 25/21, 28/26 e 25/12, no ginásio Abaeté. Com o resultado, o time do Vale do Paraíba abriu 1 a 0 na série melhor de três partidas e jogará por uma vitória na próxima sexta-feira, às 19h, na Arena, em Belo Horizonte, para chegar as semifinais. 

O primeiro set começou equilibrado. Bem no ataque, os mineiros abriram dois pontos (8 a 6). Numa boa sequência de saques do levantador Rapha, o time da casa virou o marcador (9 a 8). A parcial ficou disputada ponto a ponto. Bem no bloqueio, os donos da casa fizeram 15 a 14 e o treinador do Minas Tênis Clube, Nery Tambeiro, pediu tempo. O EMS Taubaté Funvic foi melhor na final da parcial e venceu o primeiro set por 25 a 21. 

O EMS Taubaté Funvic fez os dois primeiros pontos do segundo set. Bem no bloqueio, o time da casa abriu três pontos (7 a 4). O oposto Wallace se destacava no ataque e a equipe de Taubaté fez 12 a 8. O Minas Tênis Clube cresceu de produção e encostou no marcador (15 a 14). E foi com um ponto de bloqueio que virou o placar (17 a 16). No final da parcial foi a vez do bloqueio dos donos da casa funcionar e a equipe de Taubaté assumiu a liderança do marcador (22 a 21). O final da parcial foi disputado ponto a ponto e o EMS Taubaté fechou o set com um ponto de bloqueio do central Solé por 28 a 26. 

O EMS Taubaté/Funvic seguiu melhor no início do terceiro set e fez 6 a 2. Com dois bons saques do ponteiro Dante, o time de Taubaté abriu 11 pontos (17 a 6). O saque da equipe da casa desestabilizou o sistema de jogo mineiro e o EMS Taubaté Funvic venceu o terceiro set por 25 a 12. 

“Chega uma hora que o corpo pede e esse é o meu momento. A minha recuperação está sendo mais difícil do que antes. O bom é que estou vivendo cada dia como se fosse o último. Todo o atleta sonha em encerrar sua carreira dentro do seu país com um título, mas ainda temos muito o que evoluir e precisamos pensar jogo a jogo”, disse o ponteiro Dante. 

“O primeiro e o segundo sets foram muito competitivos e deixamos eles abrirem nas partes finais. A segunda parcial foi a que mais chegamos perto do nosso padrão. No terceiro set, o Dante conseguiu uma boa sequência de saques e nosso time não mudou a chave. Ainda estamos confiantes e temos plenas condições de levar essa série para o terceiro jogo”, analisou o ponteiro Honorato. 

Equipes:

Minas Tênis Clube: Marlon, Roque, Bob, Honorato, Pétrus, Flávio e Rogerinho (líbero)
entraram: Eduardo Carísio, Davy, Vanole e Bisset
técnico: Nery Tambeiro

EMS Taubaté/Funvic: Rapha, Wallace, Ivovic, Dante, Otávio, Solé e Talles (líbero)
entraram: Pedro, Renan e Madaloz
técnico: Daniel Castellani

foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sem apoio e problemas de estrutura, Rádio Clube/AVP decide fechar as portas

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata