Oficialmente, clubes definem pelo fim do ranking para próxima Superliga

Dirigentes da Confederação Brasileira de Voleibol, representantes dos 10 primeiros clubes da fase classificatória da Superliga 2017/2018 e o presidente da Comissão de Atletas, André Heller, se reuniram na última terça-feira, em São Paulo. O encontro discutiu uma série de assuntos entre eles o ranking para a próxima edição da Superliga e através de votação ficou definido pela extinção do mesmo. 

Participaram da votação representantes do Sada/Cruzeiro, Sesc-RJ, Sesi-SP, EMS Taubaté/Funvic, Minas Tênis Clube, Corinthians-Guarulhos, Vôlei Renata, Lebes/Canoas, Montes Claros Vôlei e Ponta Grossa/Caramuru, através de uma procuração, além do presidente da Comissão de Atletas, André Heller, com um placar de oito votos a favor do fim do ranking e três contra. 

Também estiveram presentes na reunião no comando, pela CBV, o superintendente de Competições de Quadra, Renato D´Ávila, e a gerente da mesma unidade, Cilda D´Angelis. O gerente técnico da Federação Paulista de Voleibol, Wagner Braga, também participou da reunião. A expectativa agora é saber como o mercado irá reagir após o término desta Superliga. 

foto: CBV/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Robinho acerta ida para o voleibol português e jogará no novo time do Sporting

Sem apoio e problemas de estrutura, Rádio Clube/AVP decide fechar as portas

Apresentação do Corinthians/Guarulhos deve ocorrer na próxima terça-feira