Canal Vôlei Brasil chega na reta final, mas para engrandecer a Superliga

A Confederação Brasileira de Voleibol anunciou no último dia 1º a criação do Canal Vôlei Brasil, que será hospedado no site oficial da entidade. Em parceria com a NSports, a entidade disponibilizará a transmissão via web, a princípio, de 60 jogos da Superliga masculina e feminina 2017/2018 e também da temporada 2018/2019. Vale destacar a qualidade de imagem, som e das presenças de pessoas ligadas ao voleibol, como o comentarista Mauricio Jahu. 

A iniciativa da CBV foi devido à baixa procura dos clubes da Superliga por viabilizarem as transmissões online. Antes do início da temporada, a entidade passou essa premissa aos participantes e, no entanto, apenas Minas Tênis Clube, Copel Telecom/Maringá e Sesc-RJ se valeram deste direito. Entretanto, outros times reclamaram do alto custo de se fazer uma transmissão nos padrões reivindicados pela entidade. 

“A CBV deu liberdade a todos os clubes de fazerem as transmissões, conforme reivindicação deles próprios. Ao notarmos que existia uma dificuldade, buscamos viabilizar, através de uma parceria, uma forma de transmitir os jogos, dando, assim, visibilidade ao vôlei e aos nossos torcedores a chance de ver o maior número de jogos possível”, disse o diretor executivo da CBV, Radamés Lattari. 

“Estudamos vários modelos de canais OTT no mundo para montar a TV NSports, com o objetivo de democratizar as transmissões ao vivo e gerar conteúdo de qualidade para os fãs do esporte. Para nós é uma enorme honra trabalhar com a CBV na criação do Canal Vôlei Brasil e poder levar mais jogos da Superliga, a melhor liga de vôlei do mundo, a apaixonados pelo vôlei em todo o Brasil”, disse o diretor da NSports, Guilherme Figueiredo. 

“Foi uma honra participar da primeira transmissão via streaming do Canal Vôlei Brasil. Foi muito bacana, é uma grande iniciativa da CBV junto com a TV NSports, que vai trazer, sem dúvida nenhuma, muito mais visibilidade aos clubes da Superliga e esse é o grande desejo de todos. Parabéns a toda a equipe, que proporcionou essa grande transmissão. Que essa seja a primeira de muitas”, destacou Maurício Jahu, que comentou o duelo entre Hinode Barueri e Dentil/Praia Clube, na última sexta-feira. 

Como as partidas dos playoffs terão 100% de cobertura das TVs parceiras, casos de SporTV e Rede TV!, o Canal Vôlei Brasil transmitirá apenas mais quatro jogos na temporada 2017/2018 da Superliga. Entretanto, a qualidade de imagem e áudio mostra que a CBV agregou valor ao seu produto mais valioso, dando aos clubes mais um local para divulgar seus parceiros e patrocinadores. 

No próximo sábado terá transmissão pelo Canal Vôlei Brasil, os duelos entre EMS Taubaté/Funvic x Corinthians/Guarulhos (às 18h30min) e Ponta Grossa/Caramuru x Minas Tênis Clube (ás 20h). Já no dia 17, os jogos serão: Corinthians/Guarulhos x JF Vôlei (às 21h30min) e Sesc-RJ x Sesi-SP (às 21h30min). 

foto: CBV/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio