Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio

A Superliga Espanhola, principal campeonato do país ibérico, chama a atenção nesta temporada 2017/2018 pela campanha realizada pelo Urbia Palma Volley. A equipe de Palma de Mallorca ganhou os 18 jogos que fez até aqui na competição e ocupa a liderança isolada, com 51 pontos. Entre os destaque do time treinador por Marcos Dreyer está o ponteiro brasileiro Dhionathan Willyan da Silva, mais conhecido como Zóio.

O jogador de 26 anos chegou ao Urbia Volley Palma nesta temporada após atuar no voleibol italiano. Anteriormente, no Brasil, teve passagens por Medley/Campinas, Climed/Atibaia, Bento Vôlei/Isabela, Voleisul/Paquetá Esportes, Aprov/Chapecó e JF Vôlei. Abaixo vocês conferem uma pequena entrevista com o brasileiro que vem fazendo sucesso na Espanha.

- Como foi tua mudança do voleibol italiano para o espanhol e como foi a adaptação, além da presença do Marcelo Hister no elenco.

A grande mudança que percebi do voleibol italiano para o espanhol foi o volume de jogo. Aqui os jogos tem mais rallys. A adaptação foi tranquila, pois o técnico é brasileiro, e isso faz com que o trabalho e os treinos sejam parecidos com os nossos no Brasil. A presença do Marcelo foi muito importante, sempre bom poder contar com jogadores brasileiros e com a mesma cultura.

- O Palma faz a melhor campanha da fase classificatória do Espanhol. Quais são as qualidades da equipe e como se trabalha para manter essa excelência.

Temos uma equipe com muitas qualidades individuais. O que está fazendo muita diferença nos jogos é o nosso volume de bloqueio e defesa. Mas o que mais conta aqui é a garra, a união e a vontade de vencer desse time (...) Acredito que estamos nos mantendo até aqui graças ao trabalho duro. Treinamos todos os dias dando nosso 100% e como se fosse dia de jogo. Além disso, o técnico, Marcos Dreyer, sabe como nos manter focados e pés no chão.

- A rivalidade com Almeria e Teruel é comentada entre vocês ou pela diretoria? E como administrar a pressão para ser campeão espanhol e também buscar o título da Copa do Rei.

Todos aqui são cientes e comentam sobre a rivalidade com Almeria e Teruel, pois são times que desde a temporada passada estão na briga pelas primeiras posições. É importante ter um pouco dessa pressão pra nos mantermos nessa posição e conquistarmos a Copa do Rei. E a melhor forma de lidar com isso é trabalhando forte e focados no objetivo comum. Sabemos que as outras equipes estão se reforçando, por isso temos que trabalhar ainda mais forte.

foto: Rubert Fotografia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata

Com jogos ao vivo na web, Taça Prata começa nesta terça-feira em Itapetininga