(Copa Brasil) Sesc-RJ passa pelo Corinthians/Guarulhos e está nas semifinais

Na abertura da Copa Brasil, o Sesc-RJ derrotou o Corinthians/Guarulhos por 3 sets a 0, parciais de 26/24, 25/17 e 25/20, no ginásio do Tijuca Tênis Clube. Com a vitória, os comandados de Giovane Gávio garantiram vaga na semifinal, onde enfrentarão o Sada/Cruzeiro (que eliminou o Vôlei Renata), no dia 25 de janeiro, no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo.

Maurício Borges abriu o placar da partida para o Sesc-RJ. No bloqueio de Rivaldo, o Corinthians/Guarulhos virou o set em 3 a 2. O time da casa voltou a ter o comando do marcador em 7 a 6. Com mais um ponto de bloqueio, a equipe paulista marcou 10 a 8. Quando novamente no bloqueio, o Corinthians-Guarulhos fez 12 a 8, o Sesc-RJ pediu tempo. O time carioca reagiu e encostou em 12 a 13. No ace de Maurício Souza, 15 a 14. O Corinthians-Guarulhos colocou dois de vantagem em 20 a 18. A reta final do set seguiu melhor para o time visitante, que fez 22 a 20. No erro do adversário, o Sesc-RJ empatou em 23 a 23. A parcial seguiu bem disputada e, no bloqueio de Maurício Borges, o Sesc-RJ fechou em 26 a 24.

Assim como o primeiro, o segundo set começou com equilíbrio. O Corinthians-Guarulhos teve um de vantagem em 4 a 3 e Renan deixou tudo igual em 4 a 4. No ponto de saque de Sidão, o time paulista marcou 7 a 4. Na sequência, abriu três de vantagem (10 a 7) e o técnico Giovane pediu tempo. Com Maurício Borges, o Sesc-RJ chegou ao ponto de empate em 11 a 11. O Corinthians-Guarulhos marcou 14 a 13 e os donos da casa empataram. O Sesc-RJ reagiu e, no bloqueio, fez 17 a 14. No bloqueio de Maurício Borges, 20 a 15. O set seguiu favorável ao Sesc-RJ, que marcou 23 a 16. No final, vitória mais tranquila do time carioca, que fechou em 25 a 17.

No ponto de João Rafael, o Sesc-RJ colocou dois de vantagem logo no começo do terceiro set: 4 a 2. No ponto de saque de Renan, a equipe da casa chegou a 8 a 4 e o Corinthians-Guarulhos pediu tempo. Novamente com João Rafael, o Sesc-RJ fez 9 a 7. Com ponto de bloqueio de Riad, o time de São Paulo encostou em 9 a 10. E, no saque de Fábio, 10 a 10. Com Maurício Borges atacando pelo fundo meio, o Sesc-RJ fez 16/13. O placar ainda foi a 19 a 15 a favor dos donos da casa. E, no final, o Sesc-RJ fechou em 25 a 20.

“Estar entre os quatro melhores já era um dos nossos sonhos e agora é trabalhar bem para chegar na semifinal e jogar bem. Essa fase tem tudo para ser uma prévia do play-off da Superliga e o nosso desejo é ter condições de jogar de igual para igual com essas grandes equipes”, disse o técnico Giovane Gavio.

Equipes:

Sesc-RJ: Thiaguinho, Renan, Maurício Souza, Tiago Barth, João Rafael, Maurício Borges e Tiago Brendle (líbero)
entraram: PV e Everaldo
técnico: Giovane Gávio

Corinthians/Guarulhos: Rodrigo Ribeiro, Rivaldo, Sidão, Luizinho, Mineiro, Fábio e Serginho (líbero)
entraram: Riad, Gabriel Cândido, Ygor Ceará e Cesinha
técnico: Alexandre Stanzioni

foto: Erbs Jr

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sem apoio e problemas de estrutura, Rádio Clube/AVP decide fechar as portas

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata