(Superliga) Vôlei Renata e Ponta Grossa/Caramuru duelam no Taquaral

O ginásio Taquaral recebe o duelo entre Vôlei Renata e Ponta Grossa/Caramuru, nesta quinta-feira, às 20h, pela 1ª rodada do returno da Superliga 2017/2018. Na 7ª colocação, com 14 pontos, o time de Campinas quer vencer em casa para subir mais na tabela e se firmar na zona de classificação para os playoffs. Já os paranaenses, hoje na 9ª posição, com oito pontos, querem ganhar para seguirem na briga por um lugar no G-8.

Por ser o o último jogo dos comandados do técnico Horacio Dileo em 2017, todos no Vôlei Renata querem uma vitória e se consolidar na zona de classificação à próxima fase. Embalado pela boa vitória sobre o Copel Telecom/Maringá, na última rodada do turno, o Vôlei Renata aposta na força de seu ataque, com os atacantes Leandro Vissotto e Diogo, além da garra dos centrais Salsa e Vini, dois termômetros da equipe em quadra.

“Tivemos alguns percalços durante o primeiro turno, o que acaba sendo natural pelo equilíbrio do torneio e pela busca pelo entrosamento ideal. Tiramos a pressão de vencer a primeira em casa na última rodada e agora nos concentramos para manter este ritmo já no começo do segundo turno”, comentou o ponteiro Diogo, que é o principal passador da equipe campineira nesta Superliga, com 43% de eficiência.

“Treinamos bem durante a semana, estudamos eles, mas precisamos jogar com a cabeça no lugar e manter a disciplina tática para buscar este resultado. Temos que seguir nesta busca constante pela evolução e continuar a retomada que estamos na Superliga”, acrescentou. “Jogamos ao lado da nossa torcida e temos a oportunidade de começar o turno de forma positiva, só que não será fácil. Enfrentaremos um adversário complicado, que briga pela classificação, então temos que entrar ligados e ter atenção do começo ao fim”, disse o técnico Horacio Dileo.

No Ponta Grossa/Caramuru, a vitória sobre Montes Claros na rodada passada deixou a equipe empolgada com a possibilidade de ingressar no G-8. Para encarar o Vôlei Renata, o ponteiro Perón é o único desfalque, com uma lesão no tornozelo. No primeiro turno, os paranaenses perderam, porém para o treinador Fábio Sampaio, o desempenho ruim daquela partida foi uma situação atípica.

“Talvez, o resultado fosse o mesmo, mas o jogo seria diferente. Nós estávamos na ansiedade da estreia, jogando em uma casa nova, com um elenco ainda sem entrosamento. Bons atletas, com muita determinação, mas naquele dia não fizemos um bom jogo”, afirmou o técnico Fábio Sampaio.

“A equipe vem respondendo muito bem contra a torcida do adversário, entrando bem concentrados nessas partidas. Nosso time está crescendo, nos jogos fora de casa isso está sendo notório", garantiu o central Dutra.

Equipes:

Vôlei Renata: Rodriguinho, Leandro Vissotto, Vini, Salsa, Diogo, Tiago Mão e Facundo (líbero)
técnico: Horacio Dileo

Ponta Grossa/Caramuru:
Índio, Leozão, Maycon, Thales, Peron, Léo e Bruninho (líbero)
técnico: Fábio Sampaio

foto: Vôlei Renata/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio