sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Após vaga na Superliga B, Santo André chega a decisão do Paulista Sub-21

O Super Vôlei/Santo André vem tendo um grande desempenho na temporada 2017/2018. Depois de encarar o Campeonato Paulista – Divisão Especial, os comandados de Marcelo Madeira garantiram a vaga na Superliga B, ficando em 3º lugar na Taça Prata e recentemente se classificaram para a decisão do Estadual Sub-21. Para um projeto dedicado a formação de atletas, chegar a final é uma grande conquista dentro e fora de quadra.

Classificado na 7ª colocação na fase classificatória, o Super Vôlei/Santo André derrotou o Corinthians/Guarulhos nas quartas de final, que tinha feito a segunda melhor campanha. Já na semifinal passou pelo Vôlei Mogi, com vitórias por 3 sets a 1, no ginásio Pedro Dellantonia e a ultima por 3 sets a 0, parciais de 27/29, 18/25 e 20/25, no ginásio Hugo Ramos. O adversário na decisão será o Vôlei Brasil Kirin, de Campinas, que eliminou o São José Vôlei.

“O primeiro set foi bastante tenso, sendo que as duas equipes sabiam da importância de arrancar bem e felizmente vencemos. No segundo e terceiro sets, o time deles errou mais e conseguimos manter a concentração, errar menos, além de sermos mais regulares em todos os fundamentos, principalmente no saque e no bloqueio (...) A final será um jogo bem difícil, onde as duas equipes sabem do poderio de cada uma, Agora o importante é ter conseguido ir para a final e é 50% de chance para cada um e vamos tentar surpreender novamente”, declarou o técnico Marcelo Madeira.

Vale lembrar que esses resultados chegam em um momento diferente para o voleibol de Santo André. A cidade que foi um dos pólos do voleibol, principalmente na década de 90, apresenta um projeto dedicado a formação de jovens talentos e com uma política de ‘pés no chão’, ou seja, com parceiros e apoiadores dispostos a desenvolver o esporte no município.

“Para a cidade de Santo André isso é extremamente importante e não preciso citar o quanto o esporte é uma ferramenta fantástica para a mudança em qualquer sociedade do mundo. O esporte de Santo André vinha sendo deteriorado e agora, nesta gestão conseguimos um bom apoio para a retomada desse processo e com muita prudência estamos tendo resultado. A prova disso é que houve um trabalho muito serio dentro (de ordem técnica) e fora da quadra para chegarmos a essa final. A última vez que Santo André chegou a uma final de um campeonato de vôlei foi no início da década de 90, então isso é extremamente representativo em um primeiro ano de retomada desse projeto”, afirmou o supervisor da equipe, Anderson Boni.

Para se ter uma ideia, do elenco que conquistou a vaga para a Superliga B, na Taça Prata, que foi disputada em Itapetininga, 90% era de jogadores que estão disputando o Campeonato Paulista Sub-21. O levantador Luis é considerado um dos destaques do time e alguns clubes já estariam de olho nele e em outros atletas do time do ABC. O primeiro embate da decisão acontece no dia 15, às 16h, no ginásio Pedro Dell'Antonia, com entrada gratuita.

foto: Santo André/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário