sábado, 14 de outubro de 2017

(Superliga) De casa nova, Ponta Grossa/Caramuru enfrenta o Vôlei Renata

A Arena Multiuso será palco de Ponta Grossa/Caramuru e Vôlei Renata, neste sábado, às 20h, pela rodada inaugural da Superliga 2017/2018. Essa será a primeira partida oficial do time paranaense em sua nova casa e a expectativa é de boa presença de público. No time de Campinas, várias mudanças em relação a temporada passada, porém alguns ‘pilares’ seguem no clube, como o levantador Rodriguinho e o técnico Horacio Dileo.

Após ser vice-campeão da Taça Ouro, o Ponta Grossa/Caramuru garantiu sua permanência na elite nacional devido a desistência do Bento Vôlei. Em relação a edição passada são oito reforços, sendo sete contratações, com destaque para as chegadas do levantador Índio (ex-Montes Claros), o ponteiro colombiano Zapata e o oposto Leozão (ex-Sesc-RJ). Sem desfalques, o técnico Fábio Sampaio segura a escalação até horas antes do confronto.

“Trouxemos algumas peças, mas não muda muito as características do time jogar. Não temos estrelas (...) Ao contrário do que fizemos ano passado, não vamos jogar uma Superliga, vamos jogar uma final de Superliga a cada partida. Fizemos uma reunião com elenco depois que ele estava pronto, quando chegou o último atleta, e falamos sobre isso: uma final a cada jogo. E não será diferente nessa estreia. Sabemos o peso da transferência para Ponta Grossa, que a cobrança será maior, mas o comprometimento com a camisa é a mesmo”, declarou o técnico Fábio Sampaio.

O desempenho visto durante o Campeonato Paulista agradou diretoria e comissão técnica do Vôlei Renata apesar da 3ª colocação e a vaga para a decisão ter sido perdida dentro do Taquaral, em um golden set. O técnico Horacio Dileo viu uma constante evolução do time a cada partida do Estadual, sendo que alguns jogadores ainda podem render mais. Mão, Leandro Vissotto e Júnior já mostram bom entrosamento com o levantador Rodriguinho, hoje um dos líderes do elenco, ao lado do experiente central Vini (um ídolo da torcida e muito identificado com o projeto).

“Tivemos um estadual bastante proveitoso. Ganhamos ritmo, criamos identidade como um time e crescemos de um modo geral. Agora começamos um novo capítulo. Ainda precisamos melhorar, é claro, mas estamos animados para poder fazer outra grande Superliga (...) Estreia é sempre complicado. Existe o nervosismo, a expectativa, mas estamos bem preparados. A Superliga é um torneio que tem 22 finais e teremos a primeira neste sábado. Vamos entrar focados e confiantes em fazer uma boa partida”, comentou o técnico Horacio Dileo. 

“Temos este ano a Superliga mais competitiva de todos os tempos, temos nossos objetivos claros e com foco no coletivo. Eu acredito que o coletivo vai fazer a diferença nesta Liga. Nosso time está em busca de equilíbrio e agressividade, temos totais condições de estar entre os grandes, mas essa será uma missão árdua e diária”, afirmou o central Vini.

Equipes:

Ponta Grossa/Caramuru: Índio, Caio, Peron, Zapata, Thales, Maycon e Mendel (líbero)
técnico: Fábio Sampaio

Vôlei Renata: Rodriguinho, Leandro Vissotto, Mão, Renan, Vini, Júnior e Santucci (líbero)
técnico: Horacio Dileo

foto: Caramuru Vôlei/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário