sexta-feira, 15 de setembro de 2017

(Paulista) No retorno de Sidão, Corinthians/Guarulhos supera UM Itapetininga

No encerramento da 8ª rodada do Campeonato Paulista – Divisão Especial, o Corinthians/Guarulhos derrotou o UM Itapetininga por 3 sets a 1, parciais de 25/18, 23/25, 25/17 e 25/21, no ginásio da Ponte Grande. O resultado colocou o Timão na vice-liderança, com 15 pontos, enquanto os comandados de Fabiano Magoo aparecem na 5ª colocação, com 10 pontos ganhos.

A partida iniciou com o Corinthians/Guarulhos tomando conta das ações e com bom desempenho no saque e no ataque fechou o primeiro set em 25 a 18. O UM Itapetininga não se intimidou e na segunda parcial foi para cima, equilibrando o duelo e após muita disputa deixou tudo igual ao vencer por 23 a 25. No terceiro período, os donos da casa ditaram o ritmo do confronto e fecharam em 25 a 17. Já no quarto set, os visitantes ganhavam por 13 a 16, quando o central Sidão (após um ano sem atuar) entrou em quadra e ajudou o Timão a virar a partida e vencer por 25 a 21.

“Foi maravilhoso, emoção tomou conta. Depois de tanto tempo correndo atrás, acho que foi mais do que merecido. Quero agradecer todo mundo que me apoia, que me ajuda. O time todo está de parabéns. Essa reviravolta no quarto set foi sensacional. Cada bloqueio hoje significava a luta que tive hoje em todo esse tempo e a vontade de não desistir. Não consigo viver sem o voleibol e vou demonstrar isso. Foi uma lesão muito grave e que consegui dar a volta por cima”, comemorou o central Sidão.

“Foi muito importante a volta dele, estamos a bastante tempo trabalhando com cuidado. Ele vem treinando muito bem. Agora é questão de ganhar ritmo, entrar aos poucos. Entrar em momentos decisivos como hoje para ganhar confiança. É bom ver um amigo podendo voltar a jogar e nós o ajudando neste sentido”, declarou o treinador Alexandre Stanzioni, que fez uma ressalva com relação ao desempenho de sua equipe.

“A gente baixa o nível de atenção às vezes e isso não dá mais para fazer isso no vôlei. Todo mundo sabe jogar, estudam muito, se você não estiver sempre no 100% não dá. A virada é bonita, mas uma pena que a gente faça isso depois de um ritmo ruim. Precisamos aprender que podemos fazer isso desde o início do jogo. Temos que ter cabeça, mas estamos no caminho certo”, finalizou.

As duas equipes voltam a quadra neste sábado pela última rodada da fase classificatória. O Corinthians/Guarulhos encara o Super Vôlei/Santo André, às 16h, no ginásio Pedro Delantonia, enquanto o UM Itapetininga recebe a Climed/Atibaia, às 18h, no ginásio Ayrton Senna.

foto: Nícollas Ornelas/Corinthians-Guarulhos

Nenhum comentário:

Postar um comentário