sábado, 30 de setembro de 2017

Maringá derrota Vôlei Canoas e fica com o título da III Copa Copel Telecom

A 3ª edição da Copa Copel Telecom de Vôlei terminou com um belo jogo entre os anfitriões e o Lebes/Gedore/Canoas. Após muita disputa, o Copel Telecom/Maringá venceu por 3 sets a 1, parciais de 25/23, 25/20, 21/25 e 25/23, no ginásio Chico Neto, ficando assim com o bicampeonato da competição. Tanto para paranaenses quanto para gaúchos, o torneio foi importante como preparação para a Superliga.

“Deu para analisar bem o que precisamos melhorar para a Superliga e a evolução será jogo a jogo”, disse o técnico Renato Lúcio.

“Foi muito importante essa conquista para a equipe. Sinceramente eu fiquei muito feliz com a doação e desempenho dos atletas. Sem dúvidas temos muito o que melhorar ainda, mas esse início, foi muito bom", analisou o levantador Ricardinho.

As duas equipes chegam a última rodada como chances de título e de forma invicta. Mesmo com os dois treinadores buscando um melhor entrosamento de suas equipes, o que se viu foram bons lances, através dos levantadores Ricardinho e Pedro, além dos jovens Abouba e Alison Bastos. Quem não teve a oportunidade de ver o jogo no Chico Neto pôde acompanhar pela internet, com boa qualidade.

Na disputa do 3º lugar, o São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão, que perdeu os dois primeiros jogos no tie-break, venceu o Ponta Grossa/Caramuru Vôlei por 3 sets a 0, parciais de 25/15, 26/24 e 25/17. O foco agora do time paulista, único dos participantes que não está na elite nacional, é a Taça Prata, ainda sem definição de data e que dará vagas para a Superliga B.

“Não tem plano B. O objetivo do projeto é a Superliga A, mas para isso temos que nos dedicar e conquistar uma vaga através da Taça Prata e depois ficar entre os dois primeiros da Superliga B. O caminho é duro e difícil, mas é o nosso objetivo (...) São equipes que estão na elite do vôlei. Para a gente foi importante disputar esse torneio. Agora é dar sequência ao trabalho”, disse o técnico Marcos Pacheco ressaltando a força dos adversários na Copa Copel Telecom.

foto: Rodrigo Araujo/ Copel Telecom

Nenhum comentário:

Postar um comentário