quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Corinthians/Guarulhos estreia oficialmente nesta quinta-feira diante do São José

A história do Corinthians-Guarulhos começa a ser contada nesta quinta-feira, às 19h30min, contra o São José Vôlei, no ginásio da Ponte Grande, em duelo válido pela Copa São Paulo. Um dos idealizadores do projeto, o líbero Serginho, apesar de toda sua experiência, não esconde a ansiedade de iniciar um novo ciclo na já fantástica carreira profissional.

“Ansiedade mesmo de jogar, de começar a temporada logo, de apresentar o time para a cidade, para o nosso torcedor, fazer com que as pessoas comecem a respirar o voleibol aqui em Guarulhos. Estou bastante ansioso, por que o voleibol em Guarulhos estava morto e a gente poder resgatar as raízes aqui, ainda mais com uma camisa tão forte como a do Corinthians. Queremos ver as pessoas felizes aqui. Estou ansioso por isso, ver que muita gente aqui, que é apaixonado por vôlei, pelo esporte guarulhense, e o nosso projeto que começou pequeno se tornando tão grande, da forma como está, muita gente trabalhando em prol disto, não tem como não ficar ansioso”, analisou o camisa 10 da equipe alvinegra.

Após dois meses de treinamentos intensivos, o técnico Alexandre Stanzioni acredita que o elenco está preparado para encarar essa primeira etapa da temporada, que engloba a Copa São Paulo, o Campeonato Paulista – Divisão Especial e, principalmente, a Taça Ouro, que dará ao campeão uma vaga na Superliga 2017/2018. Além disso, a partida desta quinta-feira representa para todos algo muito maior do que a simples estreia, já que estarão representando inúmeros torcedores.

“Aqui será uma esteia especial. Um projeto novo, começando do zero, tudo sendo montado e nós ajudando nesse processo. Tem essa coisa diferente por que é a hora de ver o que estamos construindo. Vou sentir um gosto especial por isso, será a estreia de uma camisa enorme e que nós jogadores estamos ajudando a construir. Quase dois meses de trabalho intenso, para jogar oficialmente, para sentir o calor da torcida, do povo de Guarulhos, ver como será o nosso caldeirão, já que o nosso ginásio não é tão grande”, declarou o central Riad.

“A Copa SP faz parte do processo de análise da equipe, não conseguimos fazer o número de amistosos que acho que seria importante, por isso usaremos a Copa SP para testar a equipe (...) Aqui temos mais funções, de estar envolvido na gestão do projeto, de fazer acontecer de verdade como pensamos, então é mais complexo só, não dá muito tempo para ficar nessa ansiedade. Temos que fazer bem feito nossa parte dentro de quadra, pois da empolgação também vem a irritação, a cobrança do torcedor. Temos que fazer a nossa parte bem feita e deixar a equipe motivada para a temporada", acrescentou o técnico Alexandre Stanzioni.

foto: ​July Stanzioni

Nenhum comentário:

Postar um comentário