segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Após título sul-americano, Rapha quer conquistar a Copa dos Campeões

Na atual temporada o levantador Raphael fez parte da Seleção Brasileira que conquistou a medalha de prata na Liga Mundial, o ouro no Sul-Americano, no Chile, e foi o capitão da equipe que superou os Estados Unidos no segundo amistoso, em Manaus. O título nas quadras chilenas foi o carimbo do Brasil para o Mundial de 2018. Apesar de a competição ainda sequer ter data marcada (Itália e Bulgária serão as duas sedes do evento), Rapha admite que ela faz parte dos seus planos.

“Foi muito gratificante fazer parte do grupo que se classificou para o Mundial. Claro que existe uma expectativa de jogar a competição no ano que vem, mas é muito cedo ainda. Ainda assim, seria muito bacana jogar mais um Mundial pela seleção e buscar esse título inédito para mim. Já estive em 2014, na Polônia, e seria uma grande honra poder participar mais uma vez. Vou atrás dessa vaga”, declarou Rapha, que fez algumas observações. 

“A seleção após a Olimpíada está muito motivada. Uma equipe com muitas caras novas, mas ao mesmo tempo, com atletas já bem rodados. É um ciclo que promete muito, com jogadores que buscarão um espaço para manter o vôlei nacional em primeiro lugar no ranking mundial”, concluiu o levantador brasileiro.

Rapha se reapresentou ao técnico Renan Dal Zotto no último domingo, em Saquarema, no Rio de Janeiro. A partir de agora, a meta é a Copa dos Campeões, no Japão, que acontecerá a partir de 12 de setembro. Além do Brasil e Japão, jogarão França, Itália, Estados Unidos e Irã.

foto: FIVB/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário