sexta-feira, 21 de julho de 2017

Campeonato Paulista contará com nove times e inicia no dia 8 de agosto

Com muitas novidades (no que diz respeito a novos times), o Campeonato Paulista – Divisão Especial começa oficialmente no próximo dia 8, quando o Sesi-SP recebe o Vôlei Ribeirão, às 19h, no ginásio da Vila Leopoldina. No mesmo dia, ainda sem horário definido, o Vôlei Renata encara o UM Itapetininga, no ginásio Taquaral, em Campinas.

Na continuação da 1ª rodada, na quarta-feira, dia 9, às 20h, a Climed/Atibaia recebe o Super Vôlei/Santo André, no ginásio Elefantão, enquanto Corinthians/Guarulhos e São José dos Campos se enfrentam apenas no dia 1º de setembro, às 19h30min, no ginásio da Ponte Grande, já que o Alvinegro estará na disputa da Taça Ouro. A Funvic/Taubaté, atual campeã, só estreia no dia 12, às 16h, contra o Vôlei Ribeirão, na Cava do Bosque.

Ao todo, nove clubes estarão na disputa pelo título, sendo que na primeira fase todos se enfrentam em turno único. O primeiro lugar avança direto para as semifinais, enquanto os outros seis melhores disputarão as quartas de final. A expectativa é que o Campeonato Paulista – Divisão Especial termine no dia 8 de outubro.

Confira os primeiros jogos de cada clube:

8/8 (terça-feira)
19h – Sesi-SP x Vôlei Ribeirão, na Vila Leopoldina
- Vôlei Renata x UM Itapetininga, no Taquaral

9/8 (quarta-feira)
20h – Climed/Atibaia x Super Vôlei/Santo André, no Elefantão

12/8 (sábado)
16h – Vôlei Ribeirão x Funvic/Taubaté, na Cava do Bosque
18h – São José Vôlei x Climed/Atibaia, no Tênis Clube SJC

1º/9 (sexta-feira)
19h30min – Corinthians/Guarulhos x São José Vôlei, na Ponte Grande

foto: Divulgação

2 comentários:

  1. O Ginásio de Guarulhos é a Ponte Grande, não Ponte Preta.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite,

    sabe me informar onde posso aceder ao Calendário completo do Paulista pois no site da Federação nem a primeira rodada está disponibilizada.

    Obrigado e parabéns pelo excelente trabalho de divulgação da modalidade principalmente nesta fase onde os campeonatos estão parados e as notícias custam a chegar.

    ResponderExcluir