domingo, 4 de junho de 2017

(Liga Mundial) Seleção Brasileira derrota Itália e deixa Pesaro com salto positivo

Na última partida da primeira rodada da Liga Mundial, a Seleção Brasileira venceu os donos da casa por 3 sets a 1, parciais de 15/25, 25/17, 23/25 e 22/25, no Adriatic Arena, em Pesaro, na Itália. Com o resultado, o time verde e amarelo chegou aos sete pontos e aparece na liderança do Grupo A1, já que a Polônia perdeu para o Irã neste domingo.

Depois de uma bola bastante disputada já no primeiro lance do jogo, a Itália abriu o placar. O início do set seguiu bem disputado, com as equipes trocando pontos e empatando em 4 a 4. O Brasil abriu dois de vantagem em 7 a 5. No bloqueio de Bruninho, 9 a 6. Com Lucarelli, a seleção brasileira chegou a 12 a 7, forçando os italianos a pedirem tempo. Imprimindo seu ritmo, o Brasil colocou sete de vantagem em 16/9. Com Maurício Borges duas vezes seguidas, o placar foi a 18 a 11. A equipe de Renan Dal Zotto aumentou a diferença no placar para 21 a 13 e a Itália pediu tempo. Lucarelli fez 23 a 15. No final, Éder deu números finais ao primeiro set: 25 a 15.

A Itália voltou empolgada para a segunda parcial, abriu 4 a 1 e forçou o técnico Renan Dal Zotto a pedir tempo. Com Maurício Borges, o Brasil encostou em 4 a 5. Melhor no segundo set, a seleção da casa voltou a abrir vantagem em 8 a 4. Com dois bloqueios seguidos, os italianos chegaram a 10 a 4. No bloqueio de Vettori, a Itália fez 13 a 6. Renan Dal Zotto fez a inversão. O oposto Renan pontuou duas vezes e o placar foi a 8 a 13. A Itália errou, o Brasil fez 9 a 13 e o treinador da casa pediu tempo. Os italianos voltaram a abrir e fizeram 16 a 10 e, quando marcaram 17 a 10, Dal Zotto pediu tempo. Diferente do set anterior, o domínio foi da Itália, que chego a 20 a 14. Vettori fechou a parcial para a Itália em 25 a 17.

Lucarelli abriu o placar do terceiro set. O início foi bem equilibrado, com as equipes empatando em 4 a 4. No ace de Éder, o Brasil passou a frente no placar, fazendo 5 a 4. Evandro levou a seleção brasileira a 7 a 4. Com dois pontos seguidos de Lucarelli, a seleção brasileira marcou 11 a 7 e os italianos pediram tempo. Na volta, mais um ponto do ponteiro (12 a 7). Evandro pontuou e o placar foi a 15 a 10. A Itália reagiu e, bem no bloqueio, reduziu a diferença para 15 a 13. Renan Dal Zotto parou o jogo. Os italianos seguiram com bom aproveitamento o bloqueio e encostaram no placar em 17 a 18. Pedido de tempo do Brasil. Com Antonov, a Itália deixou tudo igual em 20 a 20. Os donos da casa fizeram 22 a 20. A equipe brasileira empatou em 23 a 23. Os italianos pediram tempo. Com dois pontos de saque de Lucarelli, o Brasil fechou em 25 a 23.

A seleção brasileira começou melhor o quarto set e abriu 3 a 1. Com Evandro, o time de Renan Dal Zotto marcou 7 a 4. A vantagem de três pontos a favor da equipe verde e amarela seguiu em 11 a 8. Com Lucarelli pontuando bem, a seleção visitante chegou a 13 a 10. A seleção da Itália buscou e reduziu a diferença no marcador para 14 a 15. No bloqueio, os donos da casa chegaram ao ponto de empate em 16 a 16. Renan pediu tempo. O Brasil voltou a abrir vantagem em 18 a 16 no ataque de Evandro. Foi a vez de a Itália pedir tempo. No bloqueio, 19 a 16. Com Ace de Maurício Borges, 21 a 16. Éder bloqueou e o Brasil fez 23 a 18. Os italianos reagiram, fizeram 21 a 24 e Renan pediu tempo. No final, 25 a 22.

“Estamos muito felizes. Precisávamos dessa vitória para continuar dando confiança para este grupo. Estamos trabalhando com mudanças, alguns testes, primeiro ano do Renan também, então é muito importante conseguir essa confiança. Saímos felizes desta primeira fase”, analisou o ponteiro Lucarelli.

“Quando vencemos, saímos satisfeitos, claro, mas é preciso analisar tecnicamente. Sabemos que ainda temos uma longa estrada para evoluir. Estou muito feliz porque a garotada se empenhou ao máximo o tempo todo, jogamos cada ponto como se fosse o último e esse espírito está muito legal. Além disso, tivemos bons momentos no jogo, algumas oscilações durante o set, mas vamos melhorar”, afirmou o técnico Renan Dal Zotto.

A Seleção Brasileira segue se prepara agora para a próxima etapa da Liga Mundal que será em Varna, na Bulgária. A equipe de Renan Dal Zotto enfrentará o Canadá, novamente a Polônia e os donos da casa. As partidas serão nos dias 9, 10 e 11 deste mês. 

Equipes:

Brasil: Bruno, Evandro, Éder, Maurício Souza, Lucarelli, Maurício Borges e Thales (líbero)
entraram: Tiago Brendle, Renan, Murilo Radke, Rodriguinho e Otávio
técnico: Renan Dal Zotto

Itália: Giannelli, Vettori, Buti, Piano, Lanza, Randazzi e Colaci (líbero)
entraram: Balaso, Pesaresi, Antonov, Sabbi e Botto
técnico: Gianlorenzo Blengini
foto: FIVB/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário