terça-feira, 11 de abril de 2017

Taça Ouro será torneio curto e dará segunda chance para ingresso na elite

A Confederação Brasileira de Vôlei já confirmou a realização da Taça Ouro, um torneio entre temporadas que dará ao campeão uma vaga na elite nacional. A intenção da entidade é de transformar a competição em uma espécie de seletiva, dando uma segunda chance a equipes em desenvolvimento.

Ainda não existe a oficialização de datas e local da Taça Ouro, mas algumas equipes que já foram eliminadas na Superliga B sinalizaram o interesse em participar, casos do Alfa/MonteCristo/Teuto, do Botafogo, além de São Bernardo e Caramuru/Castro, que foram rebaixados da Superliga 2016/2017. O UM/Itapetininga, equipe recém-formada no interior paulista, não teria condições de disputar o torneio devido ao regulamento (ainda não divulgado pela CBV, mas que inviabiliza a presença de times que não estiveram na Superliga A ou B na temporada anterior).

A Taça Ouro deve acontecer em agosto e não mais em junho como chegou a se especular, o que deixa os clubes mais tranquilos nas questões envolvendo contrato de atletas, lembrando que os Estaduais começam no final de agosto ou em setembro. Fica a expectativa para saber como será essa competição e se ela não vai esvaziar a Superliga B, que vinha ganhando força no cenário nacional.

*atualizada às 16h40min

foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário