sexta-feira, 10 de março de 2017

(Superliga) Sesi-SP ganha do JF Vôlei e segue na briga pela vice-liderança

No encerramento da 10ª rodada do returno da Superliga 2016/2017, o Sesi-SP derrotou o JF Vôlei por 3 sets a 1, parciais de 25/16, 21/25, 25/21 e 25/18, no ginásio da Vila Leopoldina. Com o resultado, a equipe paulistana chegou aos 49 pontos e segue na 3ª posição, ainda com chances de chegar a vice-liderança, enquanto o time mineiro, com 29 pontos, aparece na 7ª posição da tabela.

O Sesi-SP começou ditando o ritmo do jogo e usando os centrais nas primeiras ações. Em seguida, converteu alguns contra-ataques para abrir vantagem. Na bola de graça arrematada por Douglas Souza os donos da casa fizeram 8 a 5. O JF chegou a esboçar uma reação e empatar o jogo, mas a eficiência do ataque de Douglas Souza voltou a fazer a diferença para o time paulista voltar a ter a vantagem em 16 a 12. A equipe da casa não esmoreceu e levou a vantagem adiante com boas jogadas de Alan, Douglas e Théo que deu números finais à parcial em 25 a 16.

O JF Vôlei voltou para o segundo set mais ligado no jogo e cometendo menos erros. A equipe mineira abriu 6 a 9 e obrigou o treinador adversário, Marcos Pacheco a pedir tempo. Com uma postura de bloqueio mais agressiva, o time mineiro seguiu na liderança do placar e fez 11 a 17. Os visitantes não diminuíram o ritmo, e, com os ataques do oposto Renan, o JF Vôlei empatou a partida ao vencer em 21 a 25. 

Na terceira parcial o Sesi começou mais contundente, mas o JF recuperou a diferença com mais eficiência na virada de bola e bloqueio. A partida ficou empatada em 7 a 7, mas em seguida os anfitriões reassumiram as ações. Após um bom rally, Douglas Souza converteu o contra-ataque e fez 11 a 7. Théo atacou na paralela pela saída e deixou os donos da casa com vantagem mais confortável em 18 a 12. A time de Minas reagiu, fez 19/16, o que fez o técnico Marcos Pacheco parar o jogo. O Sesi conseguiu segurar o adversário e fechar mais um set, desta vez em 25 a 21.

O time paulista começou o terceiro set sem querer dar chance para o azar. Com mais contundência na virada de bola, o Sesi-SP abriu vantagem e, no bom saque do central Riad, fez 8 a 5, o que fez o técnico Henrique Furtado, do JF, pedir tempo. No erro de ataque adversário, o Sesi-SP aumentou a diferença, 16 a 10. O elenco do Sesi-SP manteve o ritmo, e, mesmo com uma boa sequência de bloqueios dos adversários, não perdeu a força. No erro de ataque do oposto Renan, os donos da casa fecharam o set em 25 a 18.

“Nós já encaramos a partida desta noite como um playoff. E no sábado teremos outro compromisso bem difícil lá em Castro, que sempre tem ginásio lotado. Vamos chegar nas quartas de final com o time mais inteiro, mais firme até lá, com condicionamento melhor, pois sabemos que a próxima fase será ainda mais complicada”, contou o ponteiro Douglas Souza.

O Sesi-SP volta à quadra para a última partida da fase regular neste sábado, às 21h30min, contra o Caramuru/Castro, no ginásio Padre José Pagnacco. No mesmo dia e horário, o JF Vôlei e encara o Funvic/Taubaté, no ginásio da UFJF.

Equipes:

Sesi-SP: Bruninho, Théo, Lucão, Riad, Douglas Souza, Alan e Douglas Pureza (líbero)
entraram: Rafa e Kaio
técnico: Marcos Pacheco

JF Vôlei: Rodrigo Ribeiro, Renan Buiatti, Bruno, Diego, Rammé, Ricardo Jr. e Fábio Paes (líbero)
entraram: Juan, Drago, Rômulo, Adami e Moreno
técnico: Henrique Furtado

foto: Karen Griz/Divulgação Sesi-SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário