quinta-feira, 9 de março de 2017

(Superliga) Funvic/Taubaté quebra invencibilidade do Sada/Cruzeiro

Pela 10ª rodada do returno da Superliga 2016/2017, o Funvic/Taubaté venceu o Sada/Cruzeiro por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/21 e 26/24, no ginásio Abaeté. Com o resultado, o time do Vale do Paraíba disparou na vice-liderança, com 51 pontos, enquanto a equipe mineira, que já tinha consolidado a 1ª posição, fica com 58 pontos, perdendo assim a invencibilidade.

O Sada/Cruzeiro abriu o placar do jogo. No bom saque de Pedrão, a equipe mineira abriu 4 a 2. O Funvic Taubaté buscou e empatou em 4 a 4. O equilíbrio se manteve em 8 a 8 e com dois pontos seguidos de saque de Raphael, o time da casa fez 10 a 8. Na sequência, com Éder bem no saque, o Taubaté fez 13 a 10 e Marcelo Mendez pediu tempo. A vantagem taubateana aumentou em 15 a 11. O Sada encostou em 15 a 16. No erro do adversário, o Funvic/Taubaté fez 19 a 17. Com Wallace pela saída de rede, o time da casa marcou 21 a 18. No bloqueio de Otávio, 23 a 18. No final, melhor para o Funvic/Taubaté: 25 a 20.

Assim como no set anterior, o Sada Cruzeiro abriu 4 a 2 logo no começo. O time mineiro ainda marcou 5 a 2 e Cezar Douglas pediu tempo. No ace de Éder, o Taubaté deixou tudo igual: 5 a 5. O jogo esteve igual novamente em 8 a 8. O grupo mineiro abriu dois de vantagem (10 a 8). No bloqueio, o Funvic Taubaté assumiu o comando do placar em 12 a 11. Os donos da casa passaram a ter dois de vantagem: 14 a 12. Wallace pontuou no ataque e fez 17 a 15 para o Taubaté. No erro do adversário, o Sada/Cruzeiro empatou em 17 a 17. Com bom saque de Raphael, o Funvic marcou 20 a 18 e Mendez pediu tempo. Contando com erros do time paulista, o Sada chegou ao ponto de empate (20 a 20). O Funvic/Taubaté cresceu na reta final e fechou em 25 a 21.

Exatamente como nos dois primeiros sets, o Sada/Cruzeiro saiu na frente e fez 4 a 2. O grupo mineiro ainda abriu 6 a 3. O Funvic/Taubaté reagiu e, no bloqueio, encostou em 5 a 6. O Sada voltou a abrir em 8 a 5 e teve dois de vantagem em 11 a 9 e em 14 a 12. O time da casa passou a pontuar mais e virou o jogo em 16 a 15. Neste momento, Marcelo Mendez parou o jogo com pedido de tempo. O Funvic/Taubaté fez 19 a 17. Quando o marcador apontava 21 a 19, o time mineiro pediu mais um tempo. O Sada/Cruzeiro buscou o placar e deixou tudo igual em 23 a 23. No final, melhor para o Funvic/Taubaté, que, com ace de Otávio, fechou em 26 a 24.

“Foi uma vitória muito importante. Precisávamos desse resultado para tentar seguir na busca pelo segundo lugar e agora dependemos só de nós mesmos no último jogo. Foi um passo muito importante para termos vantagem em uma eventual semifinal e o time está de parabéns, todos fizeram um bom jogo (...) Eles não vieram com o time principal, mas enfrentamos jogadores que não conhecíamos tanto, então, tivemos essa dificuldade de não ter tanto estudo do adversário. Hoje nem fiz uma das melhores atuações, mas todo o grupo está de parabéns pela vitória”, opinou Éder.

“Os detalhes fizeram a diferença nesse jogo, que foi muito disputado, com o placar sempre apertado, mas, na hora de decidir, a experiência do time de Taubaté prevaleceu e eles erraram menos que a gente”, disse o ponteiro Rodriguinho.

“Para mim, quanto mais tempo em quadra jogando é melhor, para aprender a tomar decisões, passar por pressões, ter a responsabilidade. E foi incrível para mim ter jogado nos últimos dias, um aprendizado sem igual para minha carreira. Hoje nós pecamos nos momentos decisivos. Estivemos na frente do placar e muitas vezes não soubemos administrar. E eles conseguiram. Mas para quem esperava uma partida fácil, foi um jogo bom, bem disputado”, disse o levantador Fernando Cachopa.

A última rodada da fase classificatória será realizada toda no sábado, às 21h30min. O Funvic/Taubaté enfrentará o JF Vôlei, no ginásio da UFJF, enquanto o Sada/Cruzeiro receberá o Brasil Kirin, no ginásio do Riacho, em Contagem.

Equipes:

Funvic/Taubaté: Rapha, Wallace, Éder, Otávio, Lucas Lóh, Vini e Mário Jr. (líbero)
entraram: Japa, Danilo Gelinski, Renan, Matheus e Kaio
técnico: Cezar Douglas

Sada/Cruzeiro: Fernando Cachopa, Alan, Éder Levi, Pedrão, Rodriguinho, Filipe e Wanderson (líbero)
entraram: Léo, Isac e Cristiano
técnico: Marcelo Mendez

foto: Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté

Nenhum comentário:

Postar um comentário