sábado, 11 de março de 2017

(Superliga) Caramuru/Castro recebe o Sesi-SP na despedida da competição

Neste sábado, às 21h30min, o Caramuru/Castro encara o Sesi-SP, no ginásio Padre José Pagnacco, pela última rodada da fase classificatória da Superliga 2016/2017. Na lanterna, com cinco pontos, o time paranaense faz sua última partida na elite de olho na próxima temporada, enquanto a equipe paulistana, atualmente no 3º lugar, com 49 pontos, ainda briga para ficar com a vice-liderança antes dos playoffs.

O Caramuru/Castro chega a última rodada tendo conquistado apenas uma vitória, frente o São Bernardo, em 8 de fevereiro, por 3 sets a 1, jogando no ABC paulista. O técnico Fabio Sampaio, desde a confirmação de que o time disputará a seletiva, disse que iria avaliar bem o elenco desta temporada e que só ficariam atletas com um perfil pré estabelecido pela comissão técnica.

“Vamos buscar este perfil de atleta. Todos têm condições, já mostraram isso. Dos atuais contratados, de sete a oito devem renovar sua permanência”, afirmou o técnico Fabio Sampaio.

Pelo lado do Sesi-SP, a briga diante do Funvic/Taubaté (2º colocado, com 51 pontos) é grande, mas o técnico Marcos Pacheco quer de qualquer maneira que o time evoluía antes de começar os playoffs. O ponteiro Murilo, que passou boa parte da fase regular se recuperando de lesão, foi relacionado para a última partida contra o JF Vôlei, no ginásio da Vila Leopoldina, e a expectativa é que esteja à disposição nas quartas de final.

O ponteiro Douglas Souza vem sendo o grande nome da equipe no ataque, mas é o levantador Bruninho quem vem fazendo diferencial. A derrota para o time misto do Sada/Cruzeiro a duas rodadas já faz parte do passado e o momento é de pensar jogo a jogo e ter todos os jogadores em condições físicas e técnicas ideais.

Equipes:

Caramuru/Castro: Diego, Gustavo, Robinho, Thales, Bruno Araujo, Caio e Mendel (líbero)
técnico: Fábio Sampaio

Sesi-SP: Bruninho, Théo, Lucão, Riad, Douglas Souza, Alan e Douglas Pureza (líbero)
técnico: Marcos Pacheco

foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário